Dirigente do PSB de CG critica Romero por entregar prédio público à iniciativa privada

    0

    É em tom de provocação que socialistas e tucanos de Campina Grande continuam se enfrentando. O dirigente do PSB do município, Fábio Maia, em entrevista a imprensa campinense, criticou a autorização para concessão de uso pela iniciativa privada do antigo Cine Capitólio, por 30 anos, aprovada pela Câmara Municipal de Campina Grande.

    Fábio Maia, que tem sido um dos principais críticos de oposição da gestão de Romero Rodrigues (PSDB) em Campina Grande, disse que a decisão de entregar o Cine Capitólio para iniciativa privada coloca a gestão em dúvidas:

    “O que eu lamento é a entrega do Capitólio, um prédio extremamente valioso e bem localizado, onde todo mundo sabe que a prefeitura tem maioria na Câmara e aprovaria em qualquer sessão. Mas, simplesmente, o tema não passou por uma discussão com a população, para saber se o povo queria que o fim do Capitólio fosse esse”, lamentou o chefe de gabinete.

    Para Maia, o repasse do Capitólio para a iniciativa privada contradiz o que foi apresentado por Romero durante a campanha. Ele também lembrou que no calor da campanha, Romero prometeu transformar o Capitólio num Centro Cultural.

    “Isso é algo que levanta mais ainda as dúvidas. O dublê do prefeito que está à frente disso e sabemos muito bem os interesses que existem com esse tipo de parceria” pontuou Fábio, que achou a decisão é “estranha”, principalmente por não ter sido Romero Rodrigues a entregar o projeto e sim o prefeito em exercício, Ronaldo Filho

    Fábio afirmou que irá acionar o Ministério Público para investigar o caso.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here