Professores municipais de João Pessoa fazem paralisação de advertência

    0

    Professores da rede municipal de ensino de João Pessoa farão paralisação de advertência nas próximas terça e quarta-feira, em protesto contra a indefinição da prefeitura da Capital em responder à pauta de reivindicações da categoria, que inclui o reajuste de 16%, retroativo a janeiro, para ativos e aposentados e atualização do pagamento do piso salarial nacional para os professores prestadores de serviço (PS) e reajuste no mesmo percentual na data base para os funcionários da educação.

    A decisão foi tomada ontem, à unanimidade, durante assembleia das mais concorridas, realizada no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Município de João Pessoa. Segundo o presidente da entidade, Daniel de Assis, o adiamento pela edilidade de mais uma reunião prevista para a última terça-feira e os recentes reajustes concedidos por diversas prefeituras, dentre elas Cabedelo, Campina Grande, Recife, Natal e Teresina agravaram a insatisfação.
    O Sintem também pleiteia modificações do PCCR, dentre elas a garantia do afastamento para cursar pós graduação sem perdas, com ampliação do tempo das licenças e a progressão funcional para quem está em estágio probatório.

    Na próxima quarta-feira, uma outra assembleia será realizada, ocasião em que a classe poderá deflagrar greve por tempo indeterminado, caso até lá não tenha surgido nenhuma contraproposta.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here