PRTB pede à Polícia Federal que investigue manipulação de pesquisas na Paraíba

    1

    O presidente estadual do PRTB, Fábio Carneiro, pediu à Justiça Eleitoral e à Polícia Federal uma rigorosa investigação em relação às denúncias de manipulação de pesquisas eleitorais na Paraíba. Ele alertou para que este ano não ocorra como em 2010, quando houve uma visível manipulação de dados com o intuito de interferir no voto do eleitor.

    De acordo com Fábio Carneiro, caso as pesquisas divulgadas em 2010 não tivessem sido manipuladas, o então candidato Ricardo Coutinho (PSB) teria vencido a eleição já no 1º turno. “Em 2010, as pesquisas divulgadas davam uma ampla vantagem ao candidato do PMDB e, no final, o resultado das urnas mostrou que Ricardo Coutinho venceu no 1º turno e ampliou a vantagem no 2º”, recordou o presidente do PRTB.

    “Essa é uma prática que a Paraíba já conhece, por isso penso que é de fundamental que o eleitor solicite à Justiça Eleitoral e à Policia Federal que investiguem quem estar por trás disso. A sociedade clama por eleições mais limpas e não podemos aceitar que sejam divulgadas pesquisas com indícios de irregularidades, como estamos acostumados a ver aqui na Paraíba”, completou Fábio Carneiro.

    No último sábado (16), o Tribunal Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) determinou a suspensão das pesquisas do instituto IPESPE, divulgada pelo Jornal da Paraíba, e do instituto Souza Lopes, contratada pelo Sistema Correio de Comunicação.

     

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: redacao@paraibaja.com.br

    Comments are closed.