Presidente da ALPB defende projeto de terceirização e critica concursados

    0

    O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado Adriano Galdino (PSB), nesta quinta-feira (7), defendeu uma maior discussão em torno do projeto de terceirização (PL 4330/2004) que tramita na Câmara dos Deputados.

    De acordo com o deputado, os servidores concursados tem um baixo rendimento em comparação com os prestadores de serviço. Ele destacou o caso de dois garis, um concursado e outro prestador de serviço, e afirmou que enquanto o servidor concursado limpava cinco ruas, o temporário fazia 22 ruas.

    “Você inchar os governos estaduais, as prefeituras, as assembleias, com pessoal concursado que não quer trabalhar, é complicado, por isso precisamos discutir mais esse projeto com a sociedade”, disse o deputado, em entrevista ao Mais PB.

    O socialista enfatizou que o projeto possui vantagens aos trabalhadores e por isso garantiu que o projeto precisa ser discutido com maior profundidade para que não haja equívocos.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here