JP não merece ver dinheiro da Lagoa sendo desviado túnel abaixo, diz secretário de RC

0

A expressão “dinheiro público escorrendo pelo ralo” é bem conhecida e ouvida pelos brasileiros. Mas, em entrevista ao Paraíba Já, ao comentar sobre sua opinião em relação a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Lagoa, o secretário de Estado de Esporte, Juventude e Lazer e coordenador do Empreender Paraíba, Tibério Limeira, usou um termo mais propício para João Pessoa, e afirmou que a população não deve ver “o dinheiro da Lagoa sendo desviado túnel abaixo”. Ele salientou que todo e qualquer cidadão precisa ter acesso as informações dos investimentos feitos com recursos públicos.

“Todos os cidadãos da cidade precisam ter acesso, já que o recurso é público, aos detalhes, ao relatório da CPI, e ter acesso as explicações por parte da prefeitura”, afirmou.

Quem não deve não teme. Logo, Tibério explicou que a prefeitura deveria ser a favor da instalação da CPI da Lagoa, e colaborar com as investigações.

“Se o recurso foi bem aplicado, como eu acho que a prefeitura tem dito, não custa nada instalar a CPI, fazer as devidas investigações e comprovar que o recurso foi bem investido e que a obra está lá perfeita. Se o relatório da CGU que apontou essas irregularidades, for verdadeiro, que os culpados sejam punidos e que esse recurso seja devolvido, não a prefeitura, não ao Governo do Estado, não ao Governo Federal, mas ao povo da Paraíba e o povo de João Pessoa e ao povo brasileiro”, argumentou.

Tibério ainda afirmou que a população não deve aceitar o possível desvio de R$ 10 milhões e que deve ficar atenta a investigações como essa, já que este é um ano eleitoral.

“Que a população esteja atenta a tudo isso, já que estamos em um ano extremamente importante e desafiador”, alertou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: redacao@paraibaja.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here