Polícia prende suspeito de atirar em turista na praia de Coqueirinho

    0

    As Polícias Militar e Civil prenderam, neste final de semana, o homem suspeito de atirar contra um turista do Rio Grande do Sul, na tarde da última quarta-feira (27), na praia de Coqueirinho, no Litoral Sul da Paraíba. Joabson de Lima Freire, de 19 anos, foi preso em uma casa, na cidade de Pitimbu, juntamente com outros três suspeitos de assaltos na região. Na residência, a PM apreendeu um carro roubado no Estado de Pernambuco e uma pistola calibre 9 milímetros, arma que é de uso exclusivo das Forças Armadas.

    De acordo com o comandante da 1ª Companhia Independente, capitão Kelton Pontes, no dia do crime, quando o acusado na mesma ação também roubou o celular do motorista de um ônibus que estava no local, o Núcleo de Inteligência da unidade começou a buscar informações sobre o suspeito e conseguiu rapidamente identificá-lo. “A partir daí começamos com a polícia civil montar uma operação e descobrimos que ele estava dormindo nesta casa juntamente com os outros três suspeitos, conseguindo neste sábado desarticular o grupo suspeito de agir na região e apresentar a resposta para o crime da última quarta-feira”, enfatizou.

    Na residência foram presos Jeferson Gomes da Silva, de 20 anos, e Vilson Felix dos Santos, de 22 anos. Os dois têm mandado de prisão por homicídio e associação ao tráfico. A arma foi encontrada com o segundo acusado. No local, foi apreendido também um adolescente de 17 anos.

    Ainda segundo o capitão responsável pela segurança no Litoral Sul da Paraíba, o suspeito de atirar no turista disse que estava realizando assaltos no local para pagar uma suposta dívida de drogas. “Ele alegou que estava devendo a um traficante e que tinha uma semana para pagar a dívida, por isso estava cometendo os assaltos, mas os suspeitos que estavam com ele nesta casa fazem parte do bando de um traficante da região que está preso, o Samuel, inclusive um dos acusados que foram presos com ele, o Vilson, era apontado como autor de vários homicídios no ano passado”, contou o capitão Kelton.

    Os suspeitos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil, em Alhandra. Com essa arma apreendida na operação, a 1ª Companhia Independente da PM chega a 23 unidades retiradas de circulação somente este mês, que já teve 35 veículos com queixa de roubo recuperados pelos policiais militares da região.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here