Polícia paraibana prende duas mulheres suspeitas de aplicar golpes na Capital

    0

    Polícia paraibana prende duas mulheres suspeitas de aplicar golpes na CapitalA Polícia Civil da Paraíba, por meio do trabalho realizado por investigadores da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa, prendeu nesta segunda-feira (20) duas mulheres suspeitas da prática de falsidade ideológica. Irani Gomes da Silva e Jarcira da Silva foram presas em flagrante ao apresentar certidões de nascimento de terceiros para a confecção de segunda via de carteira de identidade (RG).

    De acordo com o delegado Lucas Sá, as certidões de nascimento foram obtidas de maneira ilícita. “As investigações tiveram o apoio da Gerência de Identificação Civil e Criminal do Instituto de Polícia Científica, que cruzou as informações no prontuário civil, identificando o crime, cometido no posto do projeto Cidadão da rua Maciel Pinheiro, no bairro do Varadouro”, explicou o delegado.

    Segundo ele, os levantamentos dos policiais ainda apontam que ambas as mulheres têm ligações com presos da Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Abrantes (PB1) e portavam diversos cartões bancários, cartões do Bolsa Família, do Sistema Único de Saúde (SUS) em nome de terceiros. “Isso indica que as cédulas de identidade serviriam para a prática de novas fraudes, como contratação de cartões bancários, empréstimos consignados e obtenção de benefícios sociais”, completou a autoridade policial.

    Irani e Jarcira seguem para o Presídio Feminino Júlia Maranhão, onde ficam à disposição da Justiça, já que falsidade ideológica é crime inafiançável.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here