Polícia Militar já distribui efetivo para reforçar a segurança das eleições

    0

    A Polícia Militar enviou 680 policiais, na manhã desta quarta-feira (1º), para as cidades da Região do Sertão e Cariri do Estado. Eles fazem parte do contingente de 4.561 homens e mulheres mobilizados pela instituição para reforçar a segurança nas eleições durante a operação voto seguro.

    O reforço conta também com 30 viaturas novas que foram destinadas para as cidades onde foram constatadas maiores necessidades de reforço, de acordo com relatório apresentado pelo Tribunal Regional Eleitoral. Além disso, 68 viaturas descaracterizadas já estão circulando pelo Estado para coibir possíveis crimes eleitorais nestes dias que antecedem o pleito.

    O presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Saulo Benevides, acompanhou pessoalmente o embarque das tropas da PM, lembrando o planejamento realizado para esta eleição. “Estamos há mais de um ano planejando o processo eleitoral de 2014 e o trabalho da Polícia Militar, dentro do Plano Integrado de Segurança, é fundamental para garantir a liberdade de voto do eleitor, até pelos exemplos de dedicação às causas da democracia que a instituição possui na história deste Estado”, pontuou.

    Na quinta-feira, o embarque será dos policiais que irão reforçar a segurança nas cidades da Região de Campina Grande, Litoral Norte e Sul do Estado. A partir da sexta-feira, os policiais começam a realizar a guarda de urnas, policiamento próximo aos locais de votação e escoltas.

    Prisões

    Os presos por crimes eleitorais serão encaminhados à Polícia Federal e Polícia Civil no dia das Eleições. A medida foi acordada entre as polícias federal e estaduais durante reuniões realizadas no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). As pessoas que forem presas cometendo ilícitos previstos no período eleitoral serão levadas, prioritariamente, para a Polícia Federal, que vai instalar mais de 15 polos de atuação na Paraíba. Onde não houver reforço de policiais federais, a Polícia Civil agirá de forma supletiva, conforme Resolução 11.494/2014, já publicada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

    950 policiais civis, entre delegados, agentes de investigação, escrivães e servidores do Instituto de Polícia Científica (IPC) estão escalados para reforçar o policiamento nos 223 municípios paraibanos. Para o trabalho, também foram disponibilizadas 220 viaturas e ainda dez veículos do IPC e 18 rabecões.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]