Polícia do Rio prende assassinos da cantora Loalwa, da banda Kaoma

0

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu, em flagrante, os autores do latrocínio da cantora Loalwa Braz Vieira. Após investigação minuciosa, os policiais civis da 124ª Delegacia de Polícia, em Saquarema, Região dos Lagos, chegaram a Wallace de Paula Vieira (23 anos), Gabriel Ferreira dos Santos (21) e Lucas Silva de Lima (18), identificados como autores do crime. O delegado Leonardo Luís Macharet, titular da 124ª DP disse que todos foram autuados em flagrante pelo crime de latrocínio, cuja pena máxima é de 30 anos.

O delegado informou que após a informação, pela manhã, sobre um incêndio na Pousada Azur, localizada na Estrada da Barreira, em Saquarema, houve a comunicação de que o carro da cantora teria sido encontrado há aproximadamente 1 km da pousada, com um corpo carbonizado dentro do veículo. Depois disso, houve uma perícia no local e o corpo de Loalwa Braz Vieira foi removido para o Instituto Médico-Legal (IML) para apuração da causa da morte e identificação.

A Polícia Civil informou que as investigações indicaram que no final da noite de ontem, os três indicados como autores do crime chegaram à Pousada Azur, arrombaram a porta de entrada e imobilizaram a cantora Loalwa, que era proprietária do estabelecimento. Segundo a Polícia, ela ainda tentou reagir, entrou em luta corporal, mas foi agredida com pauladas e golpes de faca até desmaiar. Foi aí que arrastaram a cantora até o veículo dela, estacionado no terreno da pousada, e o levaram para uma rua próxima, onde resolveram tocar fogo no carro com a cantora no seu interior. Ainda nas diligências, os policiais localizaram e apreenderam a faca e o pedaço de madeira utilizados pelos autores para golpear a vítima.

Wallace chegou a se apresentar aos policiais como testemunha e caseiro da propriedade. Contou que tinha presenciado o crime, mas durante o depoimento houve contradições, e ao notar que seria descoberto, confessou o crime. Depois disso, os agentes identificaram Gabriel Ferreira dos Santos, preso no centro de Bacaxá, distrito de Saquarema, que estava com o telefone celular e o cartão bancário da cantora. No início da noite, Lucas Silva de Lima foi preso no bairro Guarani, em Saquarema.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here