Petista critica medidas econômicas para conter a crise e diz que seguem modelo PSDB

    0

    O deputado estadual Anísio Maia (PT) criticou, na manhã desta terça-feira (15/09), no plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o pacote de cortes de gastos anunciado pelo Governo Federal. Foi anunciado, pelo Ministro da Fazenda Joaquim Levy, nesta, segunda-feira (14), um bloqueio adicional no orçamento de 2016 no valor de R$ 26 bilhões.

    Anísio afirma que é contra essas medidas, pois estão penalizando basicamente os trabalhadores. Segundo ele, quem tem que pagar a conta da recessão econômica são os grandes capitalistas como os banqueiros, por exemplo, já que irão lucrar muito dinheiro neste período. “No Brasil os bilionários não pagam impostos, eles fazem de conta que pagam e isso tem que acabar. São eles quem tem que se  sacrificarem mais neste momento.”, disse o parlamentar.

    Ainda que de forma sutil, a criação do imposto sobre o ganho de capital é que atinge de alguma maneira a classe mais rica do país. O parlamentar disse que gostaria de apelar à presidenta para tomar outro direcionamento de superação da crise. Caso tivesse a oportunidade, a aconselharia que fizesse uma aliança com o povo brasileiro e não com os grandes capitalistas.

    O deputado lembrou que Fernando Henrique Cardoso operacionalizou o Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento do Sistema Financeiro Nacional, gastando R$ 37,76 bilhões para tirar os bancos da iniciativa privada de suas dificuldades financeiras. “O PSDB não pode reclamar nada do Governo Dilma, deveriam está aplaudindo essas propostas, pois essas medidas tem o ideário tucano.”, concluiu o petista.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here