Performance pretende refletir relação indivíduo x tempo em praças da Grande JP

    0

    Intervenções artísticas do + Um Coletivo de Arte, de João Pessoa, prometem interromper o cotidiano de praças de Cabedelo e Bayeux, nos dias 31 de agosto e 02 de setembro, respectivamente. As performances Foi! e (Foi) dão continuidade a uma série de quatro obras realizadas pelo grupo desde 2014, em João Pessoa, ocorrendo sempre em espaços públicos e surpreendendo as pessoas com a ação dos artistas.

    O trabalho tem sempre o mesmo nome, mas com pontuações diferentes: Foi. (setembro/2014), Foi? (outubro/2014), Foi… (dezembro/2014) e #Foi (junho/2015). A intenção dos artistas é investigar a maneira como se lida com o tempo e com o desejo de apreensão e categorização dele através da história. Parte de um diálogo artístico com os documentos históricos do espetáculo de dança paraibano Caldo da Cana, de 1984.

    “Somos movidos também pelo lugar especial da memória, nossa forma infiel, incerta e fragmentada de acessar o vivido”, explica a artista integrante do coletivo, Rafaela Lira. O projeto foi contemplado com recursos do Fundo Estadual de Incentivo a Cultura Augusto dos Anjos – FIC, do Governo do Estado da Paraíba.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here