Pelotão Aquático da PM reduz crimes em áreas ribeirinhas

    0

    Em um ano de atuação, o Pelotão Aquático do Batalhão Ambiental da Polícia Militar reduziu a incidência de crimes em áreas ribeirinhas e em pontos turísticos. Com uma estrutura de duas lanchas e três jet-skys, os policiais realizam rondas de forma permanente no estuário do Rio Paraíba, na orla marítima e no Parque Estadual de Areia Vermelha – principais pontos procurados pelos turistas.

    Toda essa estrutura também integra o efetivo de segurança da Operação Férias, lançada pela Polícia Militar na sexta-feira (9), com o reforço de 1.600 policiais nas ruas.

    Durante o ano de funcionamento deste novo tipo de policiamento implantado pelo governo, houve uma significativa inibição dos roubos e do tráfico de drogas, constatada pela redução desses crimes nas áreas ribeirinhas, onde os bandidos usavam canoas durante a fuga para dificultar a ação da polícia, já que a PM não contava com esses equipamentos. As áreas de mangue das comunidades também têm recebido a presença das rondas do Pelotão Aquático.

    Para o comandante do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb), major Tibério Leite, o Pelotão Aquático tem sido fundamental para melhorar o atendimento da Polícia Militar à população. “O Pelotão Aquático tem atuado de forma constante contra o tráfico de drogas, porte ilegal de armas, roubo a embarcações e, durante esses doze meses de atividade, realizou diversos resgates de pessoas e animais nas áreas em que estamos reforçando as ações”, destacou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here