“Parece que não temos prefeito”, dispara vereador sobre falta de diálogo da PMJP

0

O vereador da bancada de oposição Raoni Mendes (DEM) criticou com veemência a postura de seus colegas da bancada do governo durante a sessão da Câmara de João Pessoa (CMJP) realizada na manhã desta quarta-feira (30) em que os servidores da educação lotarem a galeria da Câmara de João Pessoa (CMJP), cobrando reajuste salarial e rechaçando a falta de diálogo com a gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD).

“É inadimissível que os vereadores que defendem a gestão não escutem o clamor daqueles que vivem o dia-a-dia de uma escola. Eu, particularmente, visitei, 55 escolas e sei o sofrimento de cada um deles. Não tem material de limpeza, não tem papel higiênico nas escolas e quando eu enxergo um vereador defender algo que, principalmente quando se torna salarial – Cabedelo, Mari, Santana dos Garrotes, municípios menores passaram o valor (do Fundeb) e João Pessoa não passar – isso pra mim é uma má administração e eu não poderia demonstrar de outra forma a não ser indignado com as palavras dos vereadores que defendem o prefeito”, atacou Raoni.

Ele também criticou o marketing gerado pela prefeitura, que estaria tentando ludibriar a realidade dos fatos. “Nós não podemos permitir que a propaganda se sobreponha a uma realidade! A propaganda que a prefeitura passa é uma, a realidade da cidade é outra, parece que não temos prefeito”, provocou.

Perguntado sobre o anúncio de que a prefeitura havia concedido 20% de reajuste aos professores, o vereador do DEM refutou. “É mentira! O prefeito não concedeu reajuste nenhum!”,  rebateu Raoni. “Ele apenas recompôs, em alguns anos, o salário. Ele deu a inflação, e o Fundeb sempre foi maior do que a inflação. E o direito é de repassar o Fundeb àqueles que estão atuando na educação”, defendeu ele.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here