Pan de Toronto: Com paraibana em quadra, Brasil bate Porto Rico no handebol feminino

    0
    Pan de Toronto: Com paraibana em quadra, Brasil bate Porto Rico no handebol feminino
    Mayssa Pessoa é goleira da Seleção Brasileira

    O handebol feminino começou com tudo os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá.  Na partida que abriu os confrontos da modalidade, nesta quinta-feira (16), no Centro de Exposições, a Seleção Brasileira venceu Porto Rico por 38 a 21 (15 a 10 no primeiro tempo). O próximo compromisso será neste sábado (18), às 12h30, quando enfrentam o país anfitrião. A goleira paraibana Mayssa Pessoa é um dos destaques do time comandado pelo técnico Morten Soubak.

    O primeiro tempo entre Brasil e Porto Rico foi equilibrado. As porto-riquenhas começaram mais fortes no ataque e abriram o placar aos três minutos. Com jogadas bem trabalhadas pelas pontas com a dobradinha Fernanda Silva e Jéssica Quintino, as brasileiras logo viraram e ficaram à frente durante toda a etapa inicial. Mesmo com os erros apresentados pelas campeãs mundiais, as adversárias não conseguiram superá-las.

    “No primeiro tempo eu fiquei um pouco preocupado, porque as coisas não saíram do jeito que queríamos. Já no segundo conseguimos melhorar, jogar mais rápido e aproveitar melhor os espaços. Nós estamos bem preparados após muitos treinos”, constatou Morten Soubak.

    Como elogiado pelo treinador, na segunda etapa, o Brasil melhorou dentro de quadra e bastou administrar a boa vantagem. Morten Soubak aproveitou e fez um rodízio entre as atletas, colocando todas para jogar. A superioridade brasileira foi refletida no placar, já que fechou com 17 bolas de vantagem (38 a 21).

    Do lado brasileiro, três atletas dividiram a artilharia, com seis gols cada: Alexandra Nascimento, Fernanda Silva e Jéssica Quintino. Apesar da derrota, Porto Rico contou com goleadora da partida: Nathalys Ceballos, que balançou a rede por sete vezes.

    Para Alexandra, a estreia sempre dá nervosismo. Segundo a brasileira, a equipe colocou a ‘cabeça no lugar’ no vestiário, durante o intervalo, após uma conversa com o treinador. “O Morten pediu para relembrarmos tudo o que já treinamos, os jogos maravilhosos que fizemos contra a Noruega – em junho, em São Bernardo do Campo. Não podemos entrar 50%, mas sim 100% focadas”, frisou.

    A ponta direita, eleita a melhor atleta de handebol do Mundo em 2012, destacou também o forte e importante trabalho realizado pela psicóloga da equipe, Alessandra Dutra. “Já faz tempo que não perdemos em Jogos Pan-Americanos e, às vezes, a gente acaba ficando acomodada de forma inconsciente. A Alessandra nos ajuda a sempre preservar a humildade e o respeito por todas as equipes, nos faz lembrar de quando a gente começou. Temos que jogar com amor”, observou.

    Seleção Masculina

    A equipe masculina do Brasil, que antes de seguir para o Canadá disputou e venceu a Copa 4 Nações em João Pessoa, faz sua estreia nos Jogos Pan-Americanos nesta sexta-feira (17), às 12h30, contra os donos da casa, no Centro de Exposições de Toronto.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here