Ortotrauma realiza mais de 500 atendimentos de vítimas de acidente de moto em JP

    0

    O Complexo Hospitalar de Mangabeira Governador Tarcísio Burity (Ortotrauma), nesses dois primeiros meses de 2015, entre urgências e emergências, realizou 535 atendimentos de vítimas de acidente de moto.

    De acordo com o Setor de Estatística do Ortotrama, o mês de janeiro fechou com 326 ocorrências. Já no mês da Festa de Momo (fevereiro), onde se esperava um número maior de atendimentos, aconteceu uma pequena redução e foram registrados 209 casos.

    Em 2014, foram efetuados 2.903 atendimentos, sendo o mês de novembro, responsável pela maior demanda; 520 vítimas de acidente de motocicleta. Outubro, com 412 casos foi o segundo mês com maior atendimento.

    Cendor  – Referência no tratamento da dor crônica no Nordeste, o Centro de Reabilitação e Tratamento da Dor (Cendor), que funciona no Ortotrauma, oferece aos pacientes com dificuldade de locomoção, várias especialidades em um mesmo lugar.

    No local, o atendimento, que também é destinado às vítimas de acidente de moto, é realizado por uma equipe multidisciplinar, formada por 24 profissionais, incluindo médico especialista em dor, reumatologista, neurologista, psicólogo, anestesiologista, fisioterapeuta e acupunturista.

    As especialidades oferecidas são Acupuntura, Quiropraxia, Pilates, RPG, Osteopatia, Hidroterapia e Fisioterapia.

    Atendimento – O Centro de Reabilitação e Tratamento da Dor funciona como serviço regulado. O paciente deve primeiro procurar um médico do Programa Saúde da Família (PSF).

    Após ser diagnosticado, ele deve procurar o Distrito Médico para fazer a regularização.

    No Cendor, antes do tratamento, o paciente ainda passa pela avaliação de um neurologista ou de outro especialista em dor ou Reumatologia, explicou Mônica Cordeiro, acrescentando que para mais informações, o telefone de contato do órgão é o 3239-1221.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here