Deputada Olenka diz que continuará na política mesmo sem mandato

    0

    Dos atuais 36 deputados estaduais, 16 não participarão da próxima legislatura a partir de 1º de fevereiro de 2015. Sete tentaram mas foram derrotados nas urnas, Iraê Lucena (PSDB), ficou na suplência para deputada federal, e os outros oitos não concorreram às eleições, apoiaram parentes ou amigos. O Portal ParaibaJa está ouvindo os oito parlamentares que não foram eleitos no pleito desse ano para saber sobre seus projetos futuros fora da Assembleia Legislativa do Estado.

    A deputada Olenka Maranhão (PMDB), tentou mas não foi reeleita. Em entrevista à reportagem do ParaibaJa a peemedebista afirmou que mesmo fora da Assembleia Legislativa continuará fazendo política. “Continuarei na luta, com toda militância, comecei minha vida política no mandato de prefeita (Araruna)  já tive vários mandatos de deputada estadual, tive agora uma votação expressiva, faltaram poucos votos para a renovação do mandato e acho que nosso grupo político é atrativo para qualquer projeto futuro e temos projetos políticos para o futuro”.

    Olenka avalia que a vida pública é assim, se ganha, se perde, e é preciso aprender com o sucesso das campanhas mas também reconhecer algumas falhas que determinaram não chegar ao objetivo. “Vou terminar o mandato e continuarei na vida pública representando as pessoas com dignidade, militando politicamente e tenho certeza que em outras lutas lograremos êxito. A verdade é que nessa campanha nosso grupo ganhou mais do que perdeu,vamos nos organizar para os próximos momentos da política”.

    O PMDB elegeu  para a Assembleia Legislativa Nabor Wanderley (ex-prefeito de Patos) e reelegeu Raniery Paulino, Trócolli Júnior e Gervásio Maia Filho. O partido elegeu ainda o senador José Maranhão, o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo e reelegeu Manoel Júnior e Hugo Motta.

    Além de Olenka Maranhão foram derrotados nas urnas no dia 5 de outubro os deputados Anibal Marcolino ((PEN), Antonio Mineral (PSDB), Eva Gouveia (PSD), esposa do atual vice-governador Rômulo Gouveia, Guilherme Almeida (PSC), Toinho do Sopão (PEN), Vituriano de Abreu (PSC).

    Decidiram não concorrer à reeleição os deputados Wilson Braga (PV), Márcio Roberto (PMDB), Léa Toscano (PSB), que abriu vaga para sua filha Camila Toscano eleita pelo PSDB, Ivaldo Moraes (PMDB), Gilma Germano (PPS) – no seu lugar foi eleito o esposo Rubens Germano (PSB), Domiciano Cabral (Democratas), que não conseguiu eleger o filho Arnon, Carlos Dunga (PTB), que também não elegeu o filho Dunga Júnior, e Carlos Batinga (PSC).

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here