“Nunca vi uma gestão mais improdutiva que a de Cássio”, afirma Ricardo em Remígio

    0

    Num clima contagiante, a população de Remígio recebeu, na noite deste domingo (31), o governador e candidato à reeleição Ricardo Coutinho (PSB), a candidata à vice-governadora, Lígia Feliciano (PDT), e o candidato a senador, Lucélio Cartaxo (PT). Eles percorreram, em carreata, a principal avenida no município até a Praça Luiz Soares, em frente à Paroquia Nossa Senhora do Patrocínio, onde ocorreu um comício relâmpago.

    No trajeto, uma multidão aguardava a passagem da caravana para cumprimentar os candidatos da coligação ‘A Força do Trabalho’. Durante seu discurso, Ricardo voltou a criticar a postura adotada por seu adversário no guia eleitoral. “O candidato tucano utiliza do guia eleitoral para baixar o nível e demonstra um profundo desespero”, lamentou.

    O candidato do PSB à reeleição classificou o discurso do seu adversário como ‘totalmente vazio e sem ter o que dizer ao povo paraibano’. Ricardo Coutinho falou também dos investimentos de mais de R$ 73 milhões feitos em Remígio, durante três anos e meio de gestão, incluindo a aquisição de três ônibus escolares, apoio a agricultura familiar, construção de 30 unidades habitacionais, implantação do sistema adutor Camará e a reforma e construção de escolas.

    Falando sobre saúde pública, Ricardo lamentou que seu adversário não tenha aberto sequer um leito em hospital em sete anos de gestão. “Eu nunca vi uma gestão tão improdutiva quanto a de Cássio. Não respeitou o dinheiro do povo e agora quer posar como novo administrador”, ressaltou.

    O evento contou com as presenças do prefeito de Remígio, Chio Batista (PSB), do vice-prefeito, André (PT do B), da presidente da Câmara de Vereadores, Vitorinha (SD), além dos vereadores Adinael (PPS) e João Barbosa (PSB).

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]