Nordestão: Campinense vence o Sport por 3 a 1 e abre boa vantagem nas quartas-de-final

0

Com um ótimo jogo, Campinense e Sport fizeram o primeiro duelo das quartas de final da Copa do Nordeste 2017 nesta quinta-feira (30). No Amigão, em Campina Grande, a Raposa venceu o duelo de rubro negros por 3 a 1, abrindo vantagem para a partida de volta.

Com as duas equipes jogando bem abertas, a partida começou com oportunidades para os dois lados. Já nos primeiro minutos o Leão da Ilha quase aproveitou um rebote de Gledson para abrir o placar. A Raposa, por sua vez, fez boa jogada pela direita com Augusto, que cruzou para a pequena área, mas a defesa afastou o perigo.

Aos 19, a primeira grande chance do duelo. O Campinense invadiu a área pela esquerda com Maranhão, que passou por dois marcadores e na saída de Magrão cruzou para a pequena área, mas Augusto e Reinaldo Alagoano se atrapalharam e a defesa pernambucana afastou o perigo.

E graças a um milagre de Magrão a Raposa não abriu o placar. Aos 25, Augusto fez outra  boa jogada pela direita e cruzou na cabeça de Jussimar, que testou no cantinho direito rasteiro, mas o arqueiro do Sport foi buscar, fazendo uma linda defesa.

Mas três minutos mais tarde não teve jeito. Depois de bate-rebate na área, Negreti rolou para Magno, que apareceu na meia lua e bateu com categoria no canto direito de Magrão, que se esticou todo, mas não conseguiu evitar o primeiro gol do Campinense.

E na empolgação, o segundo gol veio logo na sequência. Reinaldo Alagoano puxou contra-ataque na intermediária ofensiva e bateu de longe. O gramado molhado deu velocidade para a bola e Magrão teve que espalmar. Na sobra, Augusto entrou como um raio na área e bateu de perna direita para ampliar o placar no Amigão.

Só dava Raposa. Aos 35, Maranhão cruzou da direita buscando Reinaldo Alagoano no segundo pau, mas Durval se antecipou e quase fez contra. Magrão mandou para escanteio.

Segundo tempo

Assim como na primeira etapa, depois  do intervalo as duas equipes vieram buscando o gol. Aos 4, o Sport tramou boa jogada pelo meio e Diego Souza encontrou Everton Felipe entrando na área pela esquerda. Ele bateu cruzado, mas a bola passou a esquerda da meta de Gledson.

O Campinense respondeu logo na sequência. Augusto, mais uma vez, fez boa jogada pela direita e tocou para Reinaldo Alagoano, que apareceu por trás da defesa e chutou na rede pelo lado de fora.

Os pernambucanos mantinham a posse de bola enquanto o rubro negro de Campina Grande se fechava, mas com seus principais jogadores sem inspiração, o Leão da Ilha do Retiro pouco criava.

Quando parecia que o placar estava consumado, aos 35 minutos, Raul Prata invadiu a área e chutou cruzado de perna esquerda. A bola saiu fraca, mas Juninho, que acabara de entrar, colocou o pe direito e mandou a bola para o fundo das redes de Gledson.

Mas se o Sport esperava empatar, um balde de água fria veio logo em seguida. Aos 39, Tiago Orobó fez boa jogada pela direita e cruzou para o meio da área. A zaga tentou afastar, mas a bola bateu em Reinaldo Alagoano. O próprio atacante foi esperto, pegou a sobra e tocou por baixo de Magrão para marcar o terceiro gol da Raposa.

O placar de 3 a 1 dá a vantagem ao Campinense para o jogo da volta. Na Ilha do Retiro, no domingo (02), a Raposa pode perder por até um gol de diferença que avança, por por dois gols de diferença, desde que seja de 4 a 2 em diante. Uma vitória por 2 a 0 dá a classificação ao Sport.

Ficha técnica

Campinense x Sport
Copa do Nordeste 2017 (jogo de ida das quartas de final)
Estádio: Amigão (Campina Grande)

Arbitragem: Dênis Ribeiro Serafim ; Pedro Jorge Araújo e Wagner José da Silva. Todos de Alagoas.

Gols: Magno, Augusto, Reinaldo Alagoano (C) Juninho (S)
Cartões amarelos: Reinaldo Alagoano, Maranhão, Joécio (C); Rogério, Juninho (S)

Campinense: Gledson, Osvaldir, Joécio, Paulo Paraíba, Gilmar; Negreti, Magno, Jussimar (Ronaell); Augusto, Maranhão (Fernando Pires), Reinaldo Alagoano. Técnico: Ney da Matta.

Sport: Magrão, Samuel Xavier (Raul Prata), Ronaldo Alves, Durval, Mansur; Rodrigo, Rithely, Diego Souza; Everton Felipe (Leandro Pereira), Rogério, André (Juninho). Técnico: Ney Franco.

 

Do Voz da Torcida

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here