No Mês das noiva, saiba porque muitas mulheres que não querem casar

    0

    O sonho de casar no mês de maio, entrar na igreja  toda de branco, ao som da macha nupcial, com aquele véu quilométrico não é mais prioridade na vida de muitas mulheres. Embora ainda sejam minoria, o movimento das que não querem subir ao altar ganha cada vez mais adeptas.

    O motivo? Segundo o psicólogo, André Memória é porque atualmente estamos em uma fase onde a mulher é “protagonista do seu mundo”, o que faz com que ela tem vários caminhos para seguir e consequentemente deixe de lado os planos de casamento.

    “Casamento é questão de escolha e não opção”, destacou o psicólogo. Há algumas décadas o casamento era considerado uma fase essencial para o indivíduo. “A mulher que não tinha o desejo de casar, era excluída do seu grupo social, casar era algo primordial todas deveriam fazer, ou a outra opção era o ir para o convento, e virar freira. A sociedade não dava outra opção paras mulheres”, explicou.

    Conforme o especialista, assim como muito homens, elas preferem focar na carreira, curtir muito, sair com os amigos, viajar e tudo isso sem dar satisfação a ninguém.

    “A visão de mulher em casa, cuidando dos filhos, mudou. A mulher busca ser independente. Ela está a procura do seu próprio sustento, num mundo capitalista.  Quando a mulher se sustenta, ela em um leque de opções na vida, e o matrimônio termina não sendo prioridade”.

    A redação do Paraíba Já conversou com uma mulher que não quer saber de subir ao altar e descobriu as principais razões dela optar por ficar para titia. Para a estudante, Damara Soweto o casamento não é importante para sua vida, e desde a infância nunca teve o sonho de ter  um marido ‘controlando’ sua rotina.

    O motivo mais apontado por Damara para rejeitar o matrimônio é por se sentir completa sozinha. Ela acredita que o casamento pode atrapalhar a conquista de seus objetivos.

    A estudante confessou que pensa em ter filhos, mas um marido nunca passou pela sua cabeça. “Isso não é necessário. Não vejo casar como prioridade, fui criada para outras coisas como estudar, trabalhar e o casamento não é a principal”, destacou.

    Há cinco meses, Damara namora. “Posso estar namorado, mas o relacionamento não vai levar ao casamento”, disse.

    Ela afirmou que nunca conversou com seu companheiro sobre casamento, mas se ele entrar neste assunto ela disse que é capaz de acabar o relacionamento para não se ver presa a alguém.

    “Se ele vim com esse papo de casamento, fujo saio correndo. Posso até amar, mas pra mim pensar em casamento, isso não é o principal. Não perco tempo com isso”, desabafou.

    Damara destacou que uma mulher que faz a opção de não casar, não significa que ela será infeliz, pelo contrário, essa mulher encontrou a felicidade nela mesma. “Na minha família as mulheres são bem resolvidas, dá pra levar a vida sem ter um marido ao lado”, finalizou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here