Na Venezuela, Cássio diz que senadores foram hostilizados por ‘militantes da ditadura’

    1

    O senador paraibano Cássio Cunha Lima (PSDB), um dos componentes da missão de senadores de oposição que viajou para a Venezuela nesta quinta-feira (18) para visitar presos políticos no país vizinho, disse, em uma rede social, que a comitiva foi hostilizada por defensores do presidente Nicolás Maduro, a quem atribui um regime ‘ditatorial’.

    “Não conseguimos avançar mais do que 2 quilômetros do aeroporto, as estradas todas bloqueadas (…) Clima tenso, porém estamos em segurança”, disse o senador, em mensagem postada em seu Facebook.

    Ele acusou ainda o embaixador brasileiro em Caracas, Ruy Pereira, de ter abandonado a comitiva brasileira ainda no aeroporto venezuelano. “Nos deixou na mão”, criticou o tucano.

    Na Venezuela, Cássio diz que senadores foram hostilizados por 'militantes da ditadura'

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here