Raoni: “Na gestão release e propaganda, quando falta jornalista, a coisa fica séria”

1

O vereador  Raoni Mendes (DEM), em uma única frase, definiu a situação do Ortotrauma de Mangabeira (Trauminha), após declarações do secretário de Saúde de João Pessoa, Adalberto Fulgêncio, de que os problemas do hospital se dá pela falta de jornalistas.

“Na gestão release e propaganda, quando falta jornalista, a coisa fica feia”, refletiu o vereador, que compõe a bancada de oposição na Câmara de João Pessoa (CMJP).

Fulgêncio afirmou, durante entrevista ao programa Correio Debate, da 98 FM, que os problemas encontrados no Trauminha, não seria a falta de gestão, de medicamentos, leitos ou de higiene, mais sim falta de jornalistas no hospital.

O Trauminha foi fiscalizado no último dia quatro  pelo Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB), e várias irregularidades foram encontradas. A má gestão do hospital seria um dos motivos apontados pela equipe de fiscalização do CRM para o caos no qual a unidade se encontra.

De acordo com o secretário, se tivesse jornalistas responsáveis pela imagem do Trauminha, as irregularidades do hospital não viriam a público.

 

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here