MP vai investigar o uso de ambulância de Pitimbu em jogo da 2ª Divisão do Paraibano

    0

    O uso de uma ambulância da Prefeitura de Pitimbu num jogo do Campeonato Paraibano da 2ª Divisão, realizado no Estádio Tomazão, em João Pessoa, pode culminar em problemas jurídicos ao prefeito do município distante 60 km da capital paraibana. A partida em questão era entre o Femar e o Internacional de Santa Rita, pelo Grupo do Litoral, e apesar da partida ter acontecido em João Pessoa, o veículo era de Pitimbu. O que, para o Ministério Público da Paraíba, é um caso de improbidade administrativa.

    O procurador do MP paraibano, Valberto Lira, disse que vai abrir um processo contra a Prefeitura de Pitimbu. E que caberá ao prefeito Leonardo Barbalho (PSD) explicar o que Valberto chamou de “absurdo” e de “desvio de conduta”.

    “O que aconteceu no jogo está totalmente errado. É improbidade administrativa. É desvio de conduta. O prefeito deverá responder por isso. Vou apurar o fato e mandar o caso para a Promotoria de Caaporã, que é responsável pela região. O futebol não pode deixar uma cidade descoberta, sem ambulância. É uma irresponsabilidade enorme o que aconteceu”, destacou Valberto Lira.

    O Femar é uma equipe de João Pessoa, que treina diariamente em um campo do bairro dos Funcionários II e que manda seus jogos na capital paraibana. Mas a poucos dias do início da 2ª divisão, anunciou uma parceria com a Prefeitura de Pitimbu, que foi identificada como patrocinadora do clube.

    Dentro de campo, o Femar não teve chances. Foi goleado por 4 a 0 pelo Santa Cruz e está eliminado da competição de acesso. As informações são do Globoesporte.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here