Você viu? Movimento de Mulheres da Paraíba lança nota de repúdio contra Temer

0

O Movimento de Mulheres da Paraíba divulgou, na sexta (10), uma nota de repúdio ao pronunciamento do presidente da República Michel Temer. Na nota, o movimento destaca as atividades nas ruas em defesa do direito das mulheres e faz críticas ao “governo ilegítimo” por pronunciamento sobre o papel doméstico das mulheres.

Confira a abaixo a nota na íntegra:

NOTA DE REPÚDIO DAS MULHERES DA PARAÍBA AO PRONUNCIAMENTO DO PRESIDENTE ILEGÍTIMO MICHEL TEMER NO 8 DE MARÇO

No dia 8 de março, nós, mulheres do mundo todo, paralisamos nossas atividades e fomos às ruas numa GREVE INTERNACIONAL DE MULHERES contra a violência e contra os retrocessos que estão marcando o atual cenário político mundial. Gritamos por um mundo sem exploração, contra as forças econômicas, midiáticas, fundamentalistas, patriarcais, racistas e neoliberais.

Na Paraíba, cerca de 10 mil mulheres indígenas, negras, trans, trabalhadoras urbanas, trabalhadoras rurais, jovens, professoras e estudantes se reuniram em uma manifestação que marcou a nossa história de resistência e que se concentrou nas lutas pela vida das mulheres e pela agroecologia, contra a criminalização do aborto, contra a violência, o feminicídio e contra a reforma da previdência. As mulheres Paraibanas marcharam pelas ruas de João Pessoa, Cajazeiras, Guarabira, Piancó, Pombal, Picuí, Patos, Araçagi e Alagoa Nova denunciando o retrocesso de seus direitos.

É nesse contexto, que o presidente golpista Michel Temer, na contramão das conquistas históricas das mulheres, realizou um pronunciamento machista e ofensivo e reduziu a participação e vida das mulheres ao espaço doméstico, à criação das filhas/os e ao cuidado dos maridos. A exaltação ao papel doméstico das mulheres e a invisibilização de suas conquistas no que se refere à sua autonomia e participação política se coadunam com as políticas excludentes que têm sido propostas por esse governo golpista.

O pronunciamento do governo ilegítimo sobre o papel doméstico das mulheres é parte de um golpe patriarcal e se coaduna com os retrocessos que este tem defendido no campo de nossos direitos, como a reforma da previdência que afetará especialmente a vida das mulheres ao agravar suas condições de trabalho, como a criminalização do aborto garantindo o controle dos corpos das mulheres, a ausência de investimentos dos organismos de proteção às mulheres em situação de violência, assim como o financiamento do agronegócio.

Nós, mulheres da Paraíba, não aceitamos o golpe patriarcal, racista, midiático e neoliberal, REPUDIAMOS o pronunciamento do presidente ilegítimo Miche Temer e AVISAMOS que não ficaremos caladas, paradas ou em casa! Sairemos às ruas, resistiremos e gritaremos que O LUGAR DA MULHER É ONDE ELA QUISER!

MOVIMENTOS DE MULHERES, FEMINISTAS E MOVIMENTOS SOCIAIS DO CAMPO E DA CIDADE DA PARADA INTERNACIONAL DAS MULHERES – PARAÍBA

 

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here