Monitoramento das águas de rios e açudes do Estado é feito pela Sudema

0

Rios e açudes situados no território paraibano são monitorados pelo laboratório de medições ambientais da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), com o objetivo de avaliar a evolução da qualidade das águas interiores do Estado.  Há mais de duas décadas esse trabalho é realizado de forma sistemática, em cumprimento à Lei N° 9433/97 que determina a Política Nacional dos Recursos Hídricos.

Esse acompanhamento visa propiciar o levantamento das áreas prioritárias para o controle da poluição das águas; subsidiar o diagnóstico e controle da qualidade das águas doces utilizadas para o abastecimento público, verificando se as características da água são compatíveis com o tratamento existente, bem como para outros usos; e identificar trechos de rios onde a qualidade da água possa estar mais degradada.

De acordo com a coordenação do laboratório, o monitoramento da qualidade da água dos rios é realizado trimestralmente em 102 estações (36 rios), definindo classes e parâmetros dos corpos hídricos, como temperatura, ph, cor, turbidez, condutividade elétrica, sólidos dissolvidos totais, salinidade, oxigênio dissolvido, DBO, e coliformes termotolerantes em 10 parâmetros.

Para os reservatórios de abastecimento público (99 ao total) do Estado, a definição da qualidade dos receptores de água é feita de acordo com o Índice de Qualidade da Água (IQA), nos parâmetros realizados nos rios e acrescido outros cinco, como resíduo total, cloretos, ferro dissolvido, fósforo total e nitrogênio total.

O coordenador de medições ambientais, João Carlos de Miranda, informou que esse serviço é realizado em áreas públicas. “Para o cidadão que tenha o interesse em solicitar análises de águas que passam ou estejam em sua propriedade, basta comparecer na sede da Sudema para fazer o orçamento, tendo localização da área do reservatório, informação do possível tipo de água e pagar a taxa (já calculada) da análise. Os valores das análises – em torno de 60 parâmetros – dependem dos tipos de coletas e algumas levam produtos químicos mais complexos. Já os deslocamentos estão incluídos nos custos”, disse João Carlos.

Águas interiores

Águas interiores são consideradas os mares completamente fechados, lagos e rios, bem como as águas no interior da linha de base do mar territorial.

A sede da Sudema em João Pessoa  fica na Avenida Monsenhor Walfredo Leal, 181 – Bairro Tambiá, e o número de telefone do laboratório é (83) 32185620, funcionando de segunda a quinta-feira, das 8h às 12h e das 13h30 às 16h30. Na sexta-feira funciona no turno da manhã.

 

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here