Ministro garante à bancada da PB antecipar recursos para concluir obra da transposição

1

O eixo leste da obra da transposição do Rio São Francisco na Paraíba pode ficar pronto este ano, e evitar um colapso no abastecimento de água no Estado. A informação foi dada pelo senador José Maranhão (PMDB-PB) que, junto com a bancada paraibana no Senado, reuniu-se nesta quinta-feira (19) com o ministro do Planejamento, Romero Jucá.

Durante o encontro, o ministro Jucá garantiu a antecipação de R$ 50 milhões mensais para a transposição, num reforço emergencial para continuidade da obra no eixo leste, exatamente o que atende ao abastecimento de água no Planalto da Borborema, onde mora uma população de mais de 1 milhão de pessoas, incluindo a segunda maior cidade do Estado – Campina Grande.

Maranhão informou que o açude do Boqueirão está com a sua capacidade reduzida para 9,8%, o que compromete gravemente o abastecimento de água de Campina Grande e de outras cidades José do Compartimento da Borborema.

Integração Nacional

A bancada paraibana também se reuniu nesta quinta com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, a quem manifestaram preocupação com a crise hídrica no Estado e pediram urgência na conclusão da transposição do São Francisco.

Segundo Maranhão, o ministro da Integração Nacional reconheceu que os números da Agência Nacional de Águas (ANA) relativos à crise hídrica na região mostram a necessidade urgente de atenção especial à transposição.

Além de Maranhão, participaram da audiência com o ministro do Planejamento, os senadores Raimundo Lira (PMDB) e Cássio Cunha Lima (PSDB) e os deputados Hugo Motta (PMDB) e Pedro Cunha Lima (PSDB).

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here