Ministério Público restringe acesso de torcidas organizadas no Paraibano

    0

    Só terão acesso aos estádios de futebol durante o Campeonato Paraibano deste ano cinco torcidas organizadas: Facção (Campinense), Jovem do Galo e Galera Unida do Galo (Treze) e Jovem do Botafogo e Império (Botafogo). Foi o que estipulou o Ministério Público Estadual, alertando que somente será permitida a entrada de organizadas cadastradas.

    A recomendação foi anunciada durante reunião que aconteceu na sede do MP, entre o presidente da Federação Paraibana de Futebol, Amadeu Rodrigues, os representantes dos dez clubes que estão classificados para a 1ª Divisão do Estadual e o procurador de Justiça e coordenador da Comissão Estadual de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios, Valberto Lira.

    “Apenas as torcidas que se cadastrarem podem entrar vestidas com seus uniforme nos estádios e levar bandeiras e charangas. Ainda assim, elas precisam informar quem é o responsável pela torcida naquele dia”, informou Valberto.

    Na reunião também foram discutidos o novo calendário do Paraibano e a liberação dos estádios para os jogos deste ano. Todas as arenas foram liberadas integralmente, com a exceção do Teixerão, em santa Rita, que foi “aprovado com restrições”.

    Segundo o procurador Valberto Lira, as alterações necessárias para a liberação do Teixeirão não devem ficar prontas a tempo do Paraibano, o que inviabilizaria sua liberação. Isto deixou a diretoria do Santa Cruz preocupada com os problemas que o clube pode enfrentar.

    Da Redação com Globoesporte

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here