Ministério Público estipula prazo para PMJP resolver prática de esportes radicais na orla

    0

    A 2ª Promotoria do Meio Ambiente e Patrimônio Social da Capital concedeu um prazo de 60 dias para que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) apresente projeto com solução para a prática de esportes radicais (como skates, patins e patinetes). A medida foi determinada pelo promotor de Justiça João Geraldo Barbosa. Atualmente, esses esportes estão sendo praticados em calçadas e ciclovias da orla da Capital.

    O promotor ainda recomendou que os espaços para a prática desses esportes existentes em João Pessoa sejam recuperados. A Promotoria também vai oficiar às secretarias de Segurança do Estado e do Município para tomarem providências para garantir a segurança dos cidadãos que transitam na orla.

    O procurador do Município, Antônio Fernando, informou que existem estudos na Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Recreação (Sejer) de uma nova área para a prática de esportes radicais e solicitou um prazo para apresentar o projeto técnico.

    O presidente da Associação de Skates da Paraíba, Henrique Thomas Soares, registrou que a falta de ordenamento da prática de esportes radicais na orla marítima põe em risco a vida dos seus praticantes.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here