Ministério Público decide denunciar ex-BBB Marcos Harter à Justiça por agredir Emilly

0

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) ofereceu, nesta segunda-feira (24), uma denúncia contra o participante do Big Brother Brasil (BBB) 17, da TV Globo, Marcos de Oliveira Harter, de 37 anos, por dois delitos de lesão corporal. Caberá à Justiça agora decidir se aceita a denúncia e abre processo contra o médico.

O ex-BBB é acusado de agredir a participante e vencedora do reality Emilly de Araujo Correa, de 20 anos, que durante o programa teve um relacionamento amoroso com o médico. De acordo com a denúncia, na festa Retrô, que aconteceu no programa, Marcos, por ciúmes, agrediu Emilly com fortes beliscões, que causaram um hematoma no braço esquerdo da vítima.

Ainda de acordo com o MP, Marcos ofendeu novamente a integridade corporal de Emilly, com um apertão no antebraço direito, que acarretou um novo hematoma. As lesões constam do laudo de corpo de delito.

Para o promotor de Justiça Gianfilippo Pianezzola, os crimes foram praticados no âmbito de uma relação íntima de afeto, já que Marcos mantinha um relacionamento amoroso com Emilly. De acordo com ele, as agressões físicas e psicológicas são causadoras de dano físico e emocional, consistem forma de violência doméstica e familiar.

As agressões levaram à eliminação de Marcos do BBB no último dia 10, por ter infringido as regras do programa, que proíbem agressões físicas entre os participantes. Na investigação aberta pela Polícia Civil, o médico prestou depoimento e alegou que nunca teve a intenção de machucar Emilly.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here