Médicos de USFs e UPAs se reunem para definir greve em João Pessoa

0

Nos últimos dias, as notícias para a população que precisa utilizar os serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) de João Pessoa, não estão sendo das melhores. No ultimo dia 29, a então secretária de saúde Aleuda Sá entregou a pasta ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD), que foi reassumida por Adalberto Fulgêncio. Agora, os médicos da rede municipal de saúde de João Pessoa anunciaram que devem entrar em greve a partir do dia 15.

A categoria vai realizar assembleia geral para definir quais setores devem ser atingidos com o movimento. Em princípio, devem ser suspensos os atendimentos eletivos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e nos Postos de Saúde Familiar (PSF).

Os médicos se queixam da falta de diálogo e de boa vontade do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) para resolver os principais impasses na saúde, entre as quais a melhoria nas condições de trabalho e reajuste salarial.

O presidente do Sindicato dos Médicos da Paraíba (Simed-PB), Tarcísio Campos, denuncia que “por falta de um Plano de Cargos e Carreiras e Remuneração, os médicos vinculados a Prefeitura  se aposentam com pouco mais de dois salários mínimos”.

Tarcísio Campos ainda responsabiliza a administração do prefeito Cartaxo de provocar os caos na saúde. “Falta de médicos a remédios nas UPAs”, denuncia.

Campos lamenta ainda o cansaço dos profissionais em esperar por uma decisão do prefeito de João Pessoa.

“Ele (Cartaxo) simplesmente não atende e o processo de negociações que estava em andamento parou há tempo”, desabafa.

O presidente do Simed-PB lembra que em setembro do ano passado os médicos paralisaram por dois dias suas atividades como sinal de advertência pelos mesmos motivos. “Apesar das promessas nada foi resolvido”.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here