Maranhão é o candidato ao Senado com maior taxa de rejeição, diz Ipespe

    0

    Apesar de liderar a disputa para o Senado, José Maranhão (PMDB) detém as maiores taxas de rejeição. É o que aponta a pesquisa Ipespe, do Jornal da Paraíba, que dá 16% de rejeição. Em seguida vem Lucélio Cartaxo (PT) e Wilson Santiago (PTB), cada um deles com 13%. Ainda dentre os candidatos que tiveram maior rejeição, na pesquisa, aparece Walter Brito, com 11%. Os que disseram que rejeitam todos somam 15%; os que poderiam votar em todos são 6% e não sabem ou não responderam 28%.

    Mesmo assim, numa eleição em que não há segundo turno, o ex-governador José Maranhão (PMDB) lidera com folga a corrida para o Senado da República. Se a eleição fosse hoje, ele teria 33% das intenções de voto. O peemedebista está com 19 pontos percentuais sobre o segundo colocado na pesquisa, o petista Lucélio Cartaxo (PT), que aparece com 14% das intenções de votos.

    Na terceira posição vem o ex-senador Wilson Santiago (PTB), com 13%. Já os candidatos Walter Brito (PTC) e professora Leila (Pros) obtiveram 1% das intenções de votos, enquanto que Rama Dantas (PSTU) e Nelson Júnior (PSOL) não pontuaram. A pesquisa mostra ainda que 23% dos eleitores não sabem em quem votar para o Senado, enquanto que os votos nulos e brancos somam 14%.

     

    Redação com Jornal da Paraíba

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]