Mar de JP pode ter ondas de até 2,4 metros, alerta Capitania dos Portos

0

Além de muita chuva e trovões previstos para esta semana, também haverá aumento nas marés. Até sábado (27), as ondas irão ultrapassar a faixa dos 2 metros de altura, chegando a 2,4 m. A indicação da Capitania dos Portos e do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba é de que as embarcações de pequeno porte devem ficar fora do mar e todos, tanto condutores quanto banhistas, devem ter atenção redobrada.

Segundo o tenente França, da Capitania dos Portos, esse fenômeno natural é chamado de ressaca do mar e está entre o litoral do Rio Grande do Norte e o da Paraíba. O oficial é encarregado da Divisão de Segurança de Tráfego Aquaviário. Ele também revela que as embarcações de médio e grande porte devem redobrar a atenção, principalmente com os equipamentos de segurança.

Há vários fatores que podem influenciar e intensificar esse fenômeno. Apesar da chuva em si não ter influência, o tenente França ressalta que nessa situação os ventos aumentam, consequentemente aumentando as ondas também.

Outro fator adicionado pela tenente Isabel Reis, do Corpo de Bombeiros, é a questão da lua. No domingo (21), a lua chegou a sua fase cheia, influenciando diretamente à maré. Nessa fase, a força gravitacional faz com a maré suba de forma mais intensa e perigosa.

“A mudança climática dos últimos dias influencia na correnteza. A chuva traz os ventos, que por sua vez deixam a correnteza mais feroz. Todos devem ter cuidado pois os perigos aumentam consideravelmente. Principalmente com crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais”, enfatizou a tenente Isabel.

Precauções

Destacando ainda mais a atenção de donos das embarcações e banhistas, os tenentes França e Isabel, fazem algumas observações para evitar acidentes. Para os condutores, são elas: conduza o barco sempre em velocidade compatível com a situação; não consuma bebida alcoólica se estiver pilotando; faça a manutenção preventiva do motor e dos itens mecânicos, elétricos e hidráulicos do seu barco; faça um checklist de segurança antes de sair com o barco.

Para os banhistas, o indicado é que: ao chegar à praia com criança, procure os guarda-vidas para receber a pulseira de identificação e oriente-a sobre os perigos de entrar no mar sozinha, além disso, não a perca de vista; evite entrar no mar quando ingerir bebidas alcoólicas e logo após as refeições; evite o uso de boias e outros objetos flutuantes, pois eles transmitem a sensação de uma falsa segurança e podem arrastar você para áreas mais profundas e perigosas; nunca deixe a água ultrapassar o nível do umbigo; mesmo que saiba nadar, não se aventure nas ondas. As informações são do Jornal a União.

 

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here