Maiorais: Campinense e Treze fecham a fase de grupos do Paraibano

0

Em um jogo que pode valer a vaga de um nas semifinais do Paraibano ou a segunda colocação do outro na sua chave, Campinense e Treze entram em campo logo mais, às 16h, no Amigão, para o Clássico dos Maiorais de número 396 na história.

Se a Raposa ganhar, além de manter a invencibilidade de três anos (10 jogos com onde hoje) sobre o maior rival, chega aos 24 pontos na classificação geral e, mesmo que seja eliminado na segunda fase, estará nas semifinais por força do regulamento.

Para o Galo, a vitória significa quebrar o incômodo tabu, o que vai fazer o time ganhar moral para entrar motivado no mata-mata.

Campinense

Sem poder contar com o goleiro Glédson e o volante Leandro Sobral, suspensos, além do lateral Paulinho e do atacante Raul, lesionados, o técnico Francisco Diá só vai definir no vestiário do Amigão o time que vai a campo.

Na próxima quinta-feira (31) o Rubro-Negro tem o jogo de ida das quarta de final da Copa do Nordeste contra o Salgueiro, no Sertão de Pernambuco.

Pensando no desgate do jogo e da viagem, é possível que o treinador raposeiro poupe alguns titulares.

O volante Negreti, se jogar, vai ser uma das atrações do dérbi. Ele completará 50 jogos oficiais com a camisa do Campinense e nunca perdeu para o Treze.

Treze

Pelo lado do Alvinegro, o técnico Marcelo Vilar vai escalar um time quase que totalmente diferente do primeiro Classico dos Maiorais de 2016.

Conforme os treinamentos da semana, ele vai promover as estreias do goleiro Saulo, do zagueiro Rafael Jensen e do atacante Brasão, todos recém contratados.

Considerando as entradas do defensor Fernando Lopes, dos laterais Peter e João Victor, do volante Da Silva e do meia Doda, reforços recentes que já atuaram, o Galo deve ir a campo com oito mudanças em relação ao dérbi de 21 de fevereiro.

Outro que engrossaria a lista de novidades do Alvinegro seria o volante Izaías, mas sua regularização não saiu.

Arbitragem

Emanuel Diniz (CBF/Campina Grande) é o árbitro central para Campinense x Treze. Ele será auxiliado por Luiz Felipe (CBF/Cabedelo) e Tomaz Diniz (CBF/Campina Grande).

Prováveis escalações

Campinense: Dida, Everaldo (Tiago Pedra), Joécio, Tiago Sala e Danilo; Negreti, Magno, Fernando Pires e Roger Gaúcho; Jussimar (Chapinha) e Rodrigão. Técnico: Francisco Diá.

Treze: Saulo, Peter, Fernando Lopes, Rafael Jensen e João Victor; Kadi, Da Silva, Mael e Doda; Thiago Furlan e Brasão. Técnico: Marcelo Vilar.

Números do clássico

Vitórias do Treze: 135
Vitórias do Campinense: 106
Empates: 154. As informações são do Voz da Torcida.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here