Cartaxo culpa Nonato pelo rompimento político para apoiar Cássio

    0

    O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), esclareceu, nesta segunda-feira (10) em um programa de TV local, sobre o sua dissolução política com o vice-prefeito da Capital, Nonato Bandeira.  Na entrevista, Cartaxo associou a culpa ao socialista pelo afastamento político entre eles. De acordo com o prefeito, o afastamento teve iniciou em 2013, quando Bandeira começou a trabalhar para colocar o ex-prefeito Luciano Agra (PEN) como vice do PSDB. As informações são do portal MaisPB.

    “Nonato começou a apoiar Cássio em 2013 e sugeria Agra para vice, enquanto eu passei 2013 trabalhando. O vice tomou uma decisão de apoiar outro candidato independente de nossa posição. Esse debate de Agra para vice de Cássio começou muito cedo, já quando eu tomei posse. Mas, do ponto de vista pessoal, eu nunca tive problema com ele e nem ele comigo. Politicamente, houve uma posição antecipada de apoiar Cássio”, afirmou o petista.

    Para Cartaxo, a decisão de Nonato Bandeira se assemelha a outros aliados, que também decidiram mudar de lado e apoiar o tucano na disputa pelo Governo do Estado.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here