Livro que aborda aspectos do suicídio será lançado neste sábado na Capital

0

O livro “Suicídio: prevenção, posvenção e direito à vida Volume I” (Fonte Editorial, 217 p.) será lançado neste sábado, dia 15, às 17 horas no Centro Cultural Ariano Suassuna, do Tribunal de Contas do Estado, em Jaguaribe, espaço gentilmente cedido pelo presidente do tribunal, André Carlo Torres Pontes e pelo diretor do CCAS, Flávio Sátyro Filho. Em seguida ao lançamento, haverá uma apresentação da Banda 5 de Agosto, com formação de Big Band e participação especial da Solista Amanda Cunha. O público poderá, ainda, prestigiar a exposição de telas do Artista Plástico Guto Holanda, paulistano radicado na Paraíba desde 2011 e cujo talento tem passado pelas melhores galerias e espaços da cultura paraibana.

A respeito da obra literária, organizada pela professora doutora Iracilda Cavalcante de Freitas Gonçalves, que também assina um dos artigos, ela reúne 13 textos de autores de diversas áreas abordando a problemática do suicídio por diversos prismas, cada um em seu campo de atuação.

“Imbuídos do compromisso de colaborar com a minoração do número de incidências de suicídios e tentativas de suicídio, os autores que compõem a coletânea decidiram ‘arregaçar as mangas’ e enfrentar, sem temor, tabus, silêncios ou silenciamentos, o complexo e multifacetado fenômeno”, explica Iracilda, doutora em Letras pela UFPB, pós-doutora em Ciência da Religião pela Universidade de Juiz de Fora, membro do Grupo de Estudos Psicanálise e Suicídio e organizadora do Núcleo de Estudos, Prevenção e Posvenção do Suicídio (NEPPS).

Os autores e seus temas

Maria do Socorro Sousa, médica com especialização em pediatria e homeopatia, escreve sobre “Homeopatia e sintomas de predisposição suicida”.

Sayonara Maria Lia Fook, doutora em Farmácia e coordenadora do Ceatox de Campina Grande, e Mayrla de Sousa Coutinho, enfermeira e mestre em Saúde Pública, tratam de “Suicídio por envenenamento: entre o viver e o morrer”.

Luciana Silveira, mestre em Reiki e palestrante sobre o tema, Reike, yoga e câncer, aborda “Reiki na depressão e na pessoa com ideação suicida”.

Vânia Reis, professora e pesquisadora aposentada da UFPI, e Rener Leite da Cunha, fitoterapeuta, assinam o capítulo que enfatiza “A vida é um presente de Deus: potencializando a ação do centro espírita em defesa da vida”.

Rosângela Xavier da Costa, administradora e mestre em Ciência das Religiões escreve sobre “Constelação familiar e suicídio: caminhos entrelaçados de amor”.

Iracilda Cavalcante de Freitas Gonçalves, pós-doutora em Ciência da Religião pela Universidade de Juiz de Fora, trata acerca da educação emocional no artigo: “Emoterapia: descobrindo sentidos do viver pelo autoconhecimento e pelo autocuidado”.

Norma Pereira Dantas Cavalcanti e Keyla Dantas Cavalcanti de Sousa, médicas homeopatas e acupunturistas discorrem sobre “A importância do tratamento de acupuntura na depressão e doenças mentais para prevenção do suicídio”.

Carmen Dolores Gomes Marinho, médica especialista em Pediatria, Infectologia e Homeopatia, escreve sobre “Terapia Floral como meio preventivo de suicídio”.

Cláudia Maria de Carvalho, jornalista e radialista, mestranda em Jornalismo Profissional pela UFPB, assina o artigo “Suicídio: a pauta proibida”, explicando o tabu que envolve o assunto no ambiente jornalístico, suas razões e como o tema pode ser noticiado de maneira adequada.

Maria Lúcia Abaurre Gnerre, doutora em História, professora da UFPB e pesquisadora das religiões orientais assina o artigo “Yoga e prevenção do suicídio: uma abordagem com base no método da Ashtanga Vinyasa Yoga”.

Matheus da Cruz e Zica, pós-doutor em História pela UFMG, professor do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e pesquisador dos campos da História, da Educação e da Psicanálise, apresenta “Considerações acerca da educação para uma morte digna”.

Ageirton dos Santos Silva, voluntário do Centro de Valorização da Vida, professor do IFPB e doutor em Letras pela UFRN, escreve sobre “CVV: uma história de amor pela valorização da vida, identificada com a prevenção ao suicídio”.

Eduardo Sérgio Soares Sousa; médico, doutor em Ciências da Saúde e Sociologia; Henrique Miguel de Lima Silva, doutorando e mestre em Linguística; Josefa Ângelo Pontes de Aquino, farmacêutica e supervisora de Análise de Epidemiologia da Secretaria de Saúde da Paraíba; e Márcio Rijoan Albuquerque Cavalcante, graduando em Odontologia, Saúde Coletiva e Educação e Saúde produzem em coautoria o artigo: “Já não me importo mais: um estudo do suicídio no Estado da Paraíba entre 2006 e 2015”.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here