Lira não quer saber de “recados” de peemedebistas e diz que é obrigação apoiar RC

0

O senador Raimundo Lira (PMDB) não quis saber de “recados” por parte de filiados de seu partido que são contrários ao seu posicionamento político na Paraíba. Com o racha provocado pelo presidente estadual da legenda, o senador José Maranhão, rompendo com o governador Ricardo Coutinho (PSB), Lira e outros parlamentares peemedebistas continuam na base governista.

Lira explicou, em um programa de rádio da capital, na tarde desta segunda-feira (13), que é obrigação de todo e qualquer senador apoiar o Governo do Estado, pois não é um apoio individual ao governador. Esse apoio significa, na verdade, melhorias para o povo paraibano.

“Agora dia 10, em Monteiro, durante a chegada das águas da transposição, lá estavam presentes o presidente Michel Temer e o governador Ricardo Coutinho. O cerimonial botou o governador para falar antes do presidente, o colocou num lugar de destaque, manifestando a consideração com o governador da Paraíba. Até porque, o governador faz parte do PSB, e nacionalmente o PSB é aliado. Portanto, esse recado não é pra mim, não foi emitido nem pelo presidente do diretório. Meu gabinete é suprapartidário. Eu ajudo os prefeitos e o governador, porque assim ajudo a Paraíba. Eu sou um parlamentar municipalista, porque essa é a obrigação de qualquer senador. Tem que ajudar os prefeitos e governador. Essa é minha obrigação e vou cumprir minha obrigação até o ultimo dia do meu mandato”, declarou.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here