Líder da oposição critica lentidão e má qualidade das obras da PMJP

0

O vereador Renato Martins (PSB), novo líder da bancada de oposição na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), em entrevista ao Paraíba Já, criticou a lentidão das obras em João Pessoa e afirmou que as grandes intervenções que a gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD) vem realizando são oriundas de recursos federais.

“As poucas obras que Cartaxo tem, que foram reveladas no discurso de abertura dos trabalhos (na CMJP), um discurso curtinho, do tamanho da gestão dele, são obras federais. Dessas, algumas delas, estão envolvidas em suspeitas ou em comprovadas ilicitudes, como é o caso da Lagoa, que recebeu R$ 22 milhões, e a CGU (Controladoria Geral da União) e as nossas investigações identificaram que R$ 9,6 milhões foram desviados, ou seja, quase 50% de tudo que chegou para a Lagoa foi desviado. Isso revela a morosidade, isso explica a falta de qualidade nas ações da Lagoa, os terminais de ônibus que estão lá não são aqueles que estavam no projeto. O túnel que foi feito já quebrou, já transbordou”, observou o líder da oposição.

De acordo com Renato Martins, os desvios de recursos são a justificativa para a “lentidão” das obras da PMJP. “Me parece que os desvios de recursos têm tudo a ver com a lentidão e com a falta de qualidade da obra, o mesmo se dá com a obra do elevado da Beira Rio, que ficou paralisada até agora, e com as retomadas a gente teme pelo padrão de qualidade”, criticou.

Renato ainda afirmou que a oposição não irá desistir de implantar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Lagoa. “A CPI da Lagoa tem um fato determinante, portanto, ela é permanente, não caduca, não prescreve. Falta apenas que dois vereadores assinem, e acreditamos que a pressão popular, o sentimento critico crescente no seio da sociedade e a manifestação do povo pelas redes sociais, farão com que dois ou mais (vereadores) não só assinem a CPI, como também venham para a bancada da oposição”, afirmou o líder.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here