Justiça decreta ilegalidade da greve dos professores da rede estadual de ensino

    0

    O desembargador João Alves da Silva decretou a ilegalidade da greve dos professores da rede estadual de ensino da Paraíba, na tarde desta sexta-feira (24). A decisão determina que o servidores retornem ao trabalho em um prazo máximo de 48h, sob pena de multa diária imposta ao Sindicato da categoria de R$ 5 mil, e corte de ponto para aqueles que continuarem ausentes de suas atividades.

    Justiça decreta ilegalidade da greve dos professores da rede estadual de ensino

    Mais informações em instantes.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here