João Pessoa sabe que a cidade retrocedeu, afirma Ricardo Coutinho

0

Pegando gancho nas comparações feitas pela deputada Estela Bezerra e integrantes da campanha da pré-candidata do PSB à prefeitura de João Pessoa, Cida Ramos, o governador Ricardo Coutinho reforçou a importância de se comparar modelos políticos e de gestão.

“A comparação é um dos principais instrumentos da política. Para saber se algo melhorou ou piorou, você só pode saber se comparar. E eu acho que a cidade de João Pessoa tem plena consciência de que ela não avançou, a cidade retrocedeu”, avaliou ele sore a gestão do prefeito Luciano Cartaxo.

O governador justificou sua afirmação citando o que, na visão dele, seria uma ausência de projetos e de uma gestão da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) mais organizada.

“Não existe uma única política pública com capacidade de dar identidade a essa cidade e atender as demandas da população. Não tem política de mobilidade urbana, não tem política de saúde, se destruiu a política de saúde dentro da cidade de João Pessoa. A política nacional foi reduzida de uma forma bastante preocupante, porque passou a ser o tradicionalismo do tradicionalismo e por aí vai”, pontuou.

“Se você não perceber a política cultural acabou, nós conseguimos popularizar a cultura na época em que eu governei a cidade, com o circuito cultural das praças, com uma série de intervenções e que hoje, infelizmente, não existe mais”, acrescentou.

Ricardo também criticou os altos gastos da PMJP com a folha de pessoal, que atualmente consome dois terços dos recursos próprios  gerados pela cidade.

“O dinheiro do povo gasto com a prefeitura, só na folha de pessoal na minha época correspondia, quando eu saí, a 41%. Hoje está em 60%. E ao mesmo tempo todas as categorias reclamam por reajuste. Ou seja, como é que você cresce tanto a folha sem que os servidores tenham tido reajustes importantes?”, questionou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here