João Azevêdo diz que PMJP precisa voltar a ter compromisso com o povo

    0

    O secretário estadual de Infraestrutura, Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia e pré-candidato do PSB a prefeito da Capital, João Azevêdo, disse durante plenária ‘Fala João Pessoa’ no bairro do Funcionários IV, após ouvir dezenas de reclamações de moradores da região, que a Prefeitura de João Pessoa precisa voltar a ter compromisso com a população.

    A plenária foi realizada na Associação de Moradores do Funcionários IV e contou a participação de moradores do Grotão, João Paulo II, Ernani Sátiro, Esplanada, Gauchinha e do Funcionários I, II, III e IV. João Azevêdo lembrou que foi o engenheiro responsável pelo projeto que deu origem a todos esses bairros, enquanto trabalhava no Ipep. “Conheço bem essa região”, destacou.

    Para João Azevêdo, a falência do Orçamento Democrático Municipal afastou a administração da população e por isso velhos problemas que atormentavam a cidade voltaram a existir. “Não estamos aqui para fazer promessas vãs, mas para assumir o compromisso de que existe a possibilidade de voltarmos a ter responsabilidade com o dinheiro público. Não existe mágica, o negócio é trabalhar e o governador Ricardo Coutinho é a prova disso. Ricardo é fruto do trabalho”.

    Vários moradores se inscreveram para fazer uso da palavra durante a plenária e todos destacaram a falta de infraestrutura, de iluminação, de médicos e remédios como os principais problemas da região.

    Ronaldo, morador do João Paulo II, disse que ainda é possível ver esgoto correndo a céu aberto na rua onde mora, e várias outras ruas próximas a sua residência encontraram-se esburacadas. Já a moradora Graça, do Funcionários II, reclamou da falta de iluminação, de calçamento e de uma Unidade de Saúde da Família.

    Evandro, que é vice-presidente da associação onde aconteceu a plenária, destacou que “essa é a diferença do PSB. O PSB ouve a população. Não é como Orçamento Participativo Municipal que mudaram o nome e o prefeito nem aparece nas plenárias”.

    O professor de Artes Marciais, Renato, que mantém um projeto social no bairro chamado ‘Amo Kung Fu’, onde dá aulas para crianças e adolescentes em troca de alimentos para doação, fez um desabafo pela falta de apoio da Prefeitura de João Pessoa e também pela falta de espaços para a pratica de esportes.

    Alguns moradores foram mais duros com a administração da Capital, como Nóbrega, do Esplanada. “O maior problema do Esplanada se chama Prefeitura de João Pessoa”. “A Prefeitura nos esqueceu!”, reclamou Josélio, do Funcionários IV. “Nossa Gauchinha foi esquecida em meio aos buracos e ao lixo da Rua do Facão ao Sesi”, disparou Fernando, da Comunidade Gauchinha.

    Gestão do PSB

    João Azevêdo lembrou que a gestão do PSB com o então prefeito Ricardo Coutinho foi responsável pela pavimentação de 22 ruas no bairro, além da construção e reforma de várias praças, inclusive contempladas com o programa Circuito das Praças com música e esporte. “Esse tempo pode voltar e pode voltar mais rápido do que a gente imagina”.

    Azevêdo lembrou ainda que quando o hoje governador Ricardo Coutinho governava João Pessoa, houve momentos de a cidade conviver com um conjunto de 300 obras, muitas delas com recursos próprios. “E tínhamos recursos para isso e agora eu pergunto cadê o dinheiro que estava lá?”.

    Assessoria

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here