Jeová solicita ao DNIT ações para resolver problemas associados à BR 230

    0

    Os inúmeros acidentes e incidentes registrados na BR 230, nas proximidades da entrada da cidade de Cajazeiras, inclusive com vítimas fatais, sensibilizaram o deputado estadual Jeová Campos (PSB) que solicitou uma audiência com a superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes-DNIT para tratar do assunto. A reunião aconteceu na manhã desta segunda-feira (02), na sede da Regional Paraíba do DNIT, com o superintendente do órgão, Gustavo Adolfo Andrade de Sá que estava acompanhado de seu substituto e analista do DNIT, Normando Lima e do Chefe do Serviço de Engenharia, Luiz Clark.

    Na ocasião, o parlamentar historiou os acidentes que estão acontecendo na BR 230, nas entradas da cidade de Cajazeiras, nas imediações do estádio Perpetão e também nas proximidades do Posto Fiscal Nilson Lopes. “A via é insegura, tem baixa visibilidade, é pouco sinalizada, não foi projetada para o fluxo atual de veículos e alguma coisa tem que ser feita para minimizar os constantes acidentes, muitos dos quais com vítimas fatais, naquela localidade”, argumentou o deputado Jeová, que sugeriu a construção de um giradouro para sanar essa problemática.

    Jeová se reportou ainda durante a audiência sobre o grande fluxo de veículos nas proximidades da Faculdade Santa Maria, e solicitou do DNIT a instalação de uma lombada eletrônica naquela localidade, além da construção de um giradouro na BR 230, no entroncamento com a rodovia PB 420, que dá acesso a cidade de Cachoeira dos Índios. “As duas reivindicações visam melhorar a segurança dos motoristas e usuários da rodovia, porque elas proporcionariam a redução de acidentes, a partir do momento que tornaria essas localidades mais seguras com essas ações”, disse o deputado, lembrando também do mau posicionamento das ‘tachas’ de sinalização na rodovia, próximo a entrada de Cajazeiras. Na ocasião, Jeová solicitou do DNIT um levantamento do tráfego de veículos na Paraíba para poder se aprofundar sobre o tema e propor debates e ações sobre o assunto.

    Gustavo Adolfo anotou todas as reivindicações e se comprometeu com Jeová de ir ver in loco, ainda essa semana, na quarta ou na quinta-feira, as situações para, a partir daí, ver que soluções podem ser viabilizadas a curto e médio prazo. “Vou pessoalmente ver o local, mas, de antemão parabenizo o parlamentar por tomar essa iniciativa de começar a fazer os processos de mobilização para questões que são justas e importantes”, disse o superintendente do DNIT.

    Ainda durante a reunião foi tratada a questão das 84 lombadas existentes na Paraíba, com especial enfoque no vandalismo que alguns cometem contra os equipamentos, da recuperação realizada em 498 km de rodovias paraibanas, sobre a construção do contorno de Juazeirinho, sobre a importância da duplicação da BR 230, a partir de Campina Grande até o sertão do Estado, do gargalo entre Oitizeiro e Cabedelo, um percurso de 28 km, que registra um fluxo diário de 80 mil veículos /dia e cujo projeto já está pronto, mas não foi incluído no PAC e ainda sobre os custos de manutenção de rodovias e dos altos investimentos que são necessários para realização de obras de rodovias, já que elas incluem além da obra em si, todo um estudo prévio, inclusive de impactos ambientais, elaboração do projeto, desapropriações, etc.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here