Hulk faz gol de empate que garante campeonato para o Zenit

    0

    Após dois anos de hegemonia do CSKA Moscou, a Rússia tem um novo campeão. Na manhã deste domingo, o Zenit empatou com Ufa fora de casa por 1 a 1 e garantiu a taça da Premier League Russa com duas rodadas de antecedência. O grande destaque do jogo foi o paraibano Hulk, que marcou de falta o gol que garantiu o título.

    Com 64 pontos, o Zenit agora não pode mais ser alcançado pelo Krasnodar (55), que ainda joga na rodada, pois o primeiro critério de desempate é o confronto direto. Já o Ufa ainda briga contra o rebaixamento. Atualmente, está em 13º com 26 pontos, na zona da repescagem.

    A equipe de São Petersburgo chegou ao seu quarto título da Premier League Russa – os outros foram em 2007, 2010 e na temporada 2011/12. Comprado em 2005 por uma companhia que explora gás natural, o clube mudou de patamar desde que conquistou a antiga Copa da Uefa, em 2008.

    Depois de ficar em 2º no último Campeonato Russo, o técnico André Villas-Boas conseguiu alcançar sua primeira taça à frente do clube que assumiu na temporada passada. O treinador português também chegou às quartas-de-final da Europa League, sendo eliminado pelo Sevilla.

    Na penúltima rodada, o Zenit joga novamente fora de casa contra o Amkar Perm, sábado, às 7h (horário de Brasília). Já o Ufa, continuará tentando escapar do rebaixamento na mesma data, diante do Spartak Moscou, fora da casa, ao meio-dia.

    O jogo

    O Zenit começou a partida muito superior e pressionando os donos da casa desde o início. Hulk fazia boa partida e teve um salvo em cima da linha, após receber lançamento, driblar o goleiro, mas tocar fraco para o gol. As chances continuavam aparecendo, mas o gol teimava em não sair.

    Depois de muita pressão, os visitantes conseguiram chegar às redes com o brasileiro, o melhor homem em campo. Se com a bola rolando as coisas não aconteciam, o jeito foi utilizar a outra arma do atacante: as cobranças de falta. Aos 32 minutos, Hulk chutou forte e rasteiro; a bola passou por debaixo da barreira e pegou goleiro Yurchenko no contra pé.

    Logo em seguida o Zenit quase aumentou, novamente com o ex-Porto participando da jogada, dando boa assistência para Shatov, na cara do gol, desperdiçar. Os donos da casa logo perderam a paciência com o domínio adversário e começaram a apelas para faltas mais duras, para segurar o resultado até o intervalo.

    No segundo tempo, a toada seguiu a mesma. Enquanto os campeões atacavam, o Ufa se defendia como podia e tentava assustar em alguns poucos contra-ataques. Apanhando bastante, Hulk mostrava muita irritação. Depois de ir para o vestiário reclamando do juiz, seguiu nervoso na partida chegou a receber o amarelo depois de se enroscar com o adversário.

    Com o final da partida se aproximando, o jogo foi ficando mais tenso. Sem conseguir o segundo gol que traria tranquilidade, o Zenit começou a ficar cada vez mais comedido, deixando os mandantes ficarem com a bola, e acabou sofrendo empate a cinco minutos do fim, com Handzic de cabeça. Mas nada que atrapalhasse a festa do título.

    Da ESPN

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: redacao@paraibaja.com.br

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here