Funesc promove debate sobre a produção de quadrinhos no Nordeste

    0

    A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) realiza, nos dias 29 e 30 de novembro, a segunda edição do “Espaço HQ”, projeto que tem como objetivo reunir quadrinistas, críticos, fãs e colecionadores de quadrinhos para diálogos, intercâmbio e formação na área. No sábado (29), a programação tem início com a oficina “Introdução aos Quadrinhos Digitais”, ministrada pela dupla Daslei Ribeiro e Marcelo Soares. No domingo (30), acontece a mesa redonda “A Produção de Quadrinhos no Nordeste”, com participação de João Lin (PE), Manassés Filho (PB) e Milena Azevedo (RN). Nos dois dias, as atividades ocorrem das 15h às 17h, no Auditório 5 do Espaço Cultural.

    No domingo, após a mesa redonda, das 17h às 19h, acontece a Feira de Quadrinhos Independentes, um espaço para a comercialização de quadrinhos autorais, onde os quadrinistas (paraibanos ou de outros estados) podem adquirir uma mesa para vender seus trabalhos. A ideia é fornecer um ambiente de comercialização de quadrinhos da região, apresentando ao público o que tem sido produzido nos últimos tempos de forma independente e movimentar a economia criativa na Paraíba. Os interessados em participar podem solicitar uma mesa acessando o formulário http://goo.gl/Y6LngZ.

    Oficina Introdução aos Quadrinhos Digitais – Consideradas artes gráficas sequenciais, e importantes formas imagéticas contemporâneas, as histórias em quadrinhos foram se construindo ao longo do século como meio de comunicação e, ao mesmo tempo, aperfeiçoando-se em estética, estrutura e diálogos com as novas mídias que surgiam. Naturalmente, as HQs migraram para o campo digital e foram ganhando novos contornos à medida em que essa nova área ia evoluindo. A oficina tem como objetivo apresentar e discutir como se deu esse processo de mutação das HQs, a partir da observação de sua inserção no meio digital. Para tanto, os ministrantes trazem exemplos de obras, vídeos, entre outros, que demonstrem bem as várias nuances desse relacionamento e as possibilidades que essa relação traz para a arte.

    Joao Lin – Artista visual com atuação na produção de quadrinhos, cartum, ilustração, videoarte e intervenção urbana. Como artista gráfico recebeu vários prêmios em salões nacionais e internacionais de humor e quadrinhos, edita a revista de quadrinhos autorais Ragú e ilustra para a literatura infantil e algumas revistas de conteúdo jornalístico. Na pesquisa “Vestígios” foca sua ação na busca de intersecções possíveis entre as linguagens dos quadrinhos e do audiovisual. Atualmente é coordenador assistente do projeto social Oi Kabum! Escola de Arte e Tecnologia – Recife.

    Manassés Filho – Dono da Comic House há 11 anos, Manassés é um profundo conhecedor não só dos quadrinhos paraibanos, mas também nacionais e internacionais. Organizou, em 2012, a Top! Top! – Convenção Paraibana de Quadrinhos e realiza desde 2010 sessões regulares de autógrafos na Comic House com quadrinistas nacionais e internacionais.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here