Acabou o sonho! Botafogo-PB cede empate e fica sem chances de classificação na Série C

    0

    Bem que o Botafogo-PB tentou. Mas o Fortaleza arrancou o empate nos acréscimos e saiu do Estádio Almeidão, em João Pessoa, com um 2 a 2 amargo para a torcida do Belo. O resultado tira qualquer chance de classificação do time paraibano para as quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro. Já o Tricolor do Pici, com o empate, chega a 33 pontos, mas pode perder a liderança se o Vila Nova bater o Salgueiro, nesta segunda-feira (21).

    O Botafogo-PB encerrará sua participação na fase classificatória da Série C contra o America-RN, na Arena das Dunas, no próximo domingo (27), às 16h. Já o Fortaleza vai encarar o Águia de Marabá, nos mesmos dia e horário, na Arena Castelão.

    Pressão do Belo

    O Botafogo lutou pelo gol desde os primeiros minutos. Com Romarinho e Reginaldo Junior, o Belo perdeu chance por cima de chance. Do outro lado, o Fortaleza jogou retraído. Esperando bolas que sobrassem no contra-ataque. Mas, na primeira etapa, elas não vieram e o placar acabou ficando no 0 a 0 que merecia muito mais ter sido finalizada com vantagem para o time paraibano, dada a pressão imposta.

    Esperança e desesperança

    Mas a história no segundo tempo foi outra bem diferente. O Belo voltou com mais garra e pressão e provocou pênalti de Max Oliveira, aos 12 minutos. O zagueiro tricolor foi expulso e Gustavo abriu o marcador.

    Com o gol sofrido, o time de Marcelo Chamusca se reorganizou e resolveu sair para o jogo. E, em duas jogadas, chegou ao empate. Depois de falta, Pio cobrou, o goleiro espalmou e Dudu Cearense aproveitou a sobra para empurrar para as redes. Era o empate que complicava a vida do Belo. Só a vitória manteria a equipe na briga pelo G-4 e a vaga nas quartas de final da Série C.

    Com um a mais, o Belo foi todo para a frente. Na pressão, Jó Boy recebe bola livre e toca para as redes na saída de Ricardo Berna. Aos 41 minutos, parecia que a vitória estava sacramentada. A torcida festejava. O destino reservava um momento inglório para o Belo, mas remotivador para Lúcio Maranhão. Ele apareceu, aos 48 minutos, para empatar novamente e acabar com as chances de classificação paraibanas. As informações são do Globoesporte.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here