Explosão de caldeira em Sousa mata dois e deixa três em estado grave

    0

    O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, disponibiliza assistência às vítimas do acidente provocado pela explosão de uma caldeira, em uma fábrica de alimentos na cidade de Sousa, nesta segunda-feira (6).  Desde as primeiras horas da tragédia, que provocou a morte de duas pessoas, o Hospital Regional de Sousa conta com o apoio de mais de 50 profissionais de saúde envolvidos nos socorros.

    “O Hospital Regional de Sousa acionou toda a equipe médica da região para prestar os primeiros atendimentos, além da Rede de Urgência e Emergência do Estado da Paraíba, para dar suporte”, explicou a diretora da unidade, Apoliana Ferreira.

    O ‘Regional’ recebe os parentes das vítimas para fazerem a identificação. Até o momento, deram entrada na unidade de saúde, 13 pacientes, sendo três em estado grave, que serão transferidos para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa (João Pereira, José Damião de Souza e um paciente identificado apenas por Ricardo). Foram identificados ainda, entre os feridos, Ednaldo de Lima, Ivanildo Barbosa da Silva, José Francisco Silva, Everaldo Alves da Silva, que estão em estado regular. Os demais ainda estão sendo identificados.

    “Em situações como essa, a Secretaria de Estado da Saúde, por meio de sua rede hospitalar, vem garantindo toda assistência necessária às vítimas e familiares. É uma rede de profissionais em um esforço humanitário que se articula para garantia da vida”, disse a secretária de Estado da Saúde, Roberta Abath.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: redacao@paraibaja.com.br

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here