Estudo do Ideme aponta os cinco municípios maios ‘ricos’ da Paraíba; veja o ranking

0

Cinco municípios paraibanos concentraram 58% do total do valor do Produto Interno Bruto (PIB) do estado no ano de 2014: João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Santa Rita e Patos. Desse total, João Pessoa e Campina Grande agregam, juntos, o percentual de 47%. Os dados foram divulgados pelo Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual (Ideme), nesta quarta-feira (14).

O PIB dos municípios é calculado com base numa metodologia uniforme para todo o país, integrado aos procedimentos dos Sistemas de Contas Nacionais e Regionais do Brasil. Esse método possibilita a comparação dos resultados entre si, bem como entre o PIB nacional e regional.

Comportamento

Os postos ocupados pelos cinco maiores valores do PIB dos municípios paraibanos, em 2014, não apresentaram modificação, em relação ao ano anterior (2013). Assim, o ranking dos maiores PIBs entre os municípios, na nova metodologia, é formado por: João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Santa Rita e Patos.

Os resultados em 2014 indicam que os cinco maiores municípios paraibanos concentraram 58% do total do valor do PIB. Já os outros 218 municípios agregaram juntos 42%. Vale destacar que o município de João Pessoa participou com 33%, e Campina Grande, o segundo maior centro urbano do estado, foi responsável por 14,2% e juntos concentram 47% desse valor, evidenciando, assim, a importância da capital para a economia do estado.

Menores

Os municípios que apontaram os menores valores do PIB no estado paraibano foram: Coxixola, que apresentou o menor valor (13,749 milhões), seguido por Areia de Baraúnas, Zabelê, Parari e São José do Brejo do Cruz. São municípios que apresentam pequena população, menor que 2.200 habitantes, e nos últimos anos registraram baixíssima participação no PIB, em torno de 0,03%.

Com relação às cinco maiores e as cinco menores variações nos valores do PIB dos municípios paraibanos, o estudo do Ideme aponta que, entre 2013 e 2014, as variações mais relevantes foram observadas nos municípios de Lucena (42,8%), Montadas (36,7%), Guarabira (24,5%), São José de Piranhas (23,7%) e Bernardino Batista (23,2%). Entre as menores variações, cinco municípios apresentaram desempenho econômico desfavorável, em 2014, registrando queda no valor nominal do PIB, são eles: Pilões (-5,6%), Alagoa Nova (-5,7%), Boa Vista (-6,9), Nova Floresta (-9,3%) e Serraria (-15,8).

O PIB per capita de Alhandra, em 2014, cresceu nominalmente 18%, passando de R$ 31.797 para R$ 37.521. Esse desempenho superou o resultado do município de Cabedelo, que em 2013 apresentou o maior PIB per capita do Estado da Paraíba. Como consequência disso, elevou uma posição, ocupando, assim, a primeira colocação no cenário estadual (Tabela 4). As posições seguintes foram ocupadas por: Cabedelo, Conde, Mataraca e João Pessoa.

Os cinco menores valores do PIB per capita, observados nos municípios da Paraíba, em 2014, foram: Imaculada (R$ 5.616), São João do Tigre (R$ 5.496), Manaíra (R$ 5.412), Nova Floresta (R$ 5.399) e São Vicente do Seridó (R$ 5.221).

A partir da distribuição espacial do PIB do Estado da Paraíba – segundo as suas Regiões Geoadministrativas- o estudo do Ideme demonstra também uma forte concentração da economia estadual em duas regiões: João Pessoa e Campina Grande, que, conjuntamente, representaram 69,7% do PIB estadual, em 2014. Mais informações acesse www.ideme.pb.gov.br

 

 

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here