Eduardo Cunha socorre ‘afilhado’ paraibano que preside CPI da Petrobras

    0

    O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi chamado às pressas na manhã desta quinta-feira (5) para a sessão da CPI da Petrobras, na tentativa de acabar com um conflito sobre a criação de subrelatorias. O presidente da comissão, Hugo Motta (PMDB-PB), afilhado político de Cunha e escolhido por ele para a posição, foi questionado pelo plenário da CPI sobre a criação de subrelatorias, função que, de acordo com o regimento, seria atribuição do relator, Luiz Sérgio (PT-RJ).

    Cunha acalmou os ânimos e a sessão teve andamento. Os trabalhos da CPI começaram tumultuados, com confusão entre oposição e governistas

    Da coluna do Felipe Patury

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here