Desistência de Manoel surpreende, mas beneficia pretensão do PTB, diz Wilson

0

O deputado federal e pré-candidato a prefeito de João Pessoa, Wilson Filho (PTB) comentou a declaração dada por Manoel Junior (PMDB) durante anúncio se de sua desistência na disputa pela prefeitura de João Pessoa. Durante a coletiva, Manoel afirmou que um dos motivos que o fez desistir foi não ter conseguido consolidar alianças com outros partidos como o PTdoB e o partido de Wilson Filho, PTB. Wilson afirmou que fez uma proposta para Manoel, mas algumas pessoas do PMDB não aceitaram, o que dificultou o possível apoio.

“É uma decisão nossa. Eu não posso dizer que não quis me coligar com Manoel. Ele era pré-candidato assim como eu sou. Eu propus a ele uma construção para se chegar a um candidato único baseado em critérios, mas algumas pessoas do time dele não concordaram, então isso não pode ser possível, a construção de uma convergência entre nós dois em relação em qual é o melhor nome”, afirmou.

Wilson destacou o direito que o deputado Manoel Junior tem de lançar sua pré-candidatura, mas confessa que o apoio ao prefeito Luciano Cartaxo surpreendeu, já que o prefeito foi alvo de duras críticas em seus discursos durante a pré-candidatura.

“Ele tinha o direito de ser candidato como qualquer um tem. Agora ele decidiu tomar uma posição que surpreendeu a todo mundo, porque ninguém esperava que ele pudesse se unir a alguém que virou alvo do discurso dele, mas eu respeito”, declarou.

O petebista acredita que não só a população foi pega de surpresa com a desistência de Manoel, mas também o próprio partido dele, o PMDB e vê a desistência como positiva para ele, que continua na disputa.

“Todo mundo se surpreendeu, inclusive os membros do PMDB, então pegou todo mundo de surpresa. Temos que respeitar, mas para mim como político, a saída dele é muito boa. A população que acreditava nos projetos de Manoel era exatamente que já não queriam acreditar nos projetos de Cida e de Luciano. Eles já não queriam acreditar e vão olhar para minha pretensão, minha candidatura e vão naturalmente me ajudar. Cartaxo, com o discurso de continuidade, Cida com o discurso de que fiz e quer continuar a fazer e o outro era do novo, que era eu e Manoel, agora sou só eu ”, lembrou.

Manoel Junior disse durante a coletiva que um dos motivos para abrir mão da pré-candidatura teria sido motivado pela falta de estrutura, mas Wilson esclareceu que isso acontece com qualquer partido de oposição, destacando que a população de João Pessoa não irá se importar com a estrutura e sim com as propostas apresentadas pelos candidatos e lembrando que esse ano será mais difícil, já que essa será a primeira eleição sem doação de pessoas jurídicas.

“Todo mundo que é oposição tem dificuldade de estrutura, mas nosso tipo de campanha é diferente, não é do mesmo porte. Eu acho que essa eleição a estrutura não vai ser muito importante. A população vai querer saber quais são os seus projetos, as soluções para a cidade, principalmente no momento que nós estamos. Primeira eleição sem doação de pessoas jurídicas, então realmente existe a dificuldade de estrutura, mas creio eu que exista para todo mundo”, destacou.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here