Deputado diz que Temer boicota os paraibanos ao não aceitar audiência com Ricardo

0

“Quando um governador pede uma audiência como o Presidente da República ele não o faz para tratar de interesses pessoais, mas do Estado e que quando esse encontro é negado essa negativa não diz respeito apenas ao chefe do executivo estadual, mas ao povo que ele representa, portanto, essa dificuldade do governador Ricardo Coutinho se encontrar com o presidente só comprova o boicote deste governo golpista contra a Paraíba e os paraibanos”, desabafou o deputado Jeová Campos (PSB). O parlamentar se refere à atitude do Palácio do Planalto em ter apresentado dificuldades em agendar uma audiência entre o governador Ricardo Coutinho (PSB) e o presidente Michel Temer.

“É lamentável essa atitude do presidente para com a Paraíba. Essa postura nada tem a ver com a de um Chefe de Estado. Ela é reprovável, mesquinha e perseguidora, já que Ricardo se manteve firme na defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito durante todo o curso do golpe que foi orquestrado pelo atual governante”, disse Jeová. “Independente de qualquer posicionamento, Ricardo Coutinho é o governador da Paraíba e representa o povo paraibano e pediu essa audiência justamente para debater questões importantes para o nosso Estado e por causa dessa visão míope e perseguidora os pleitos da Paraíba simplesmente foram desprezados”, afirmou Jeová.

O deputado lembrou ainda que essa não é a primeira vez que o governo golpista trata a Paraíba com desdém e boicota seu desenvolvimento. “Um dos primeiros atos de Temer após assumir a presidência, através de um golpe, foi retirar das contas do Estado R$ 18 milhões que eram destinados para a obra do viaduto do Geisel, depois travou o empréstimo do Governo da Paraíba com o Banco do Brasil, também bloqueou a liberação dos recursos para o funcionamento do Cooperar, depois retirou do Estado à autonomia de gerenciar os recursos destinados às obras de combate à seca, já reduziu os recursos para o Exército no tocante aos carros-pipas e agora se recusa a receber o governador”, elencou Jeová.

“O que mais vão fazer para prejudicar a Paraíba? E o que os senadores e deputados federais paraibanos, que apoiaram o golpe e dão sustentação a esse governo, vão fazer para defender àqueles que os elegeram, para ajudar àqueles que eles representam em Brasília? Será que eles têm interesse em defender o Estado? Se sim, já deviam usar de sua influência para viabilizar esse encontro, mas, infelizmente, o que vemos é uma inércia sem justificativa e enquanto isso nosso povo clama por ações urgentes, inclusive e principalmente, na questão do combate a seca que é um problema que não tem como adiar mais”, finaliza o deputado Jeová Campos.

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here