Deputado da PB diz que retomada das obras do eixo norte da Transposição ocorre em março

0

O deputado federal petebista Wilson Filho e o presidente estadual do PTB na Paraíba, o ex-senador Wilson Santiago, mantiveram audiência no Ministério da Integração Nacional para solicitar urgência na conclusão do Eixo Norte da obra da transposição do Rio São Francisco, que beneficiará o Sertão paraibano. A previsão, segundo o ministro Helder Barbalho, é que a obra seja retomada em março, uma vez, que a nova empresa que tocará a intervenção será definida em fevereiro. Ele também anunciou a liberação de adutoras de engate rápido para o Estado.

Os serviços no eixo norte, que estavam sob a responsabilidade da Mendes Junior, tiveram que ser licitados em função da construtora comunicar ao Ministério, em junho, a incapacidade de continuar com suas obrigações legais nos dois contratos da obra do Projeto São Francisco. A obra no eixo está paralisada há mais de quatro meses.

“O ministro nos falou que em primeiro de fevereiro abrirá os envelopes da licitação, onde será definida a nova empresa para que a obra seja tocada e concluída. Não havendo nenhum problema, a ordem de serviço sairá em março”, explicou Wilson Filho.

Wilson Santiago relatou a situação que vive a Paraíba com 197 municípios em situação de emergência e 73 reservatórios com menos de 5% da sua capacidade. “Não temos mais agua. A situação é crítica e precisamos da conclusão da obra do eixo norte o mais rápido possível para que a água chegue ao Sertão”, destacou.

Transposição – O Projeto de Integração do Rio São Francisco vai levar água para mais de 12 milhões de pessoas nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. O empreendimento é composto por dois eixos de transferência de água – Norte e Leste – que juntos somam 477 quilômetros de extensão incluindo canais, estações de bombeamento, tuneis e aquedutos.

Adutoras – Durante a audiência em Brasília, os petebista solicitaram liberação de recursos para o estado. O ministro atendeu a solicitação e liberou adutoras de engate rápido para municípios paraibanos, o que representa uma ação de quase R$ 8,4 milhões. “O Nordeste carece de socorro. Precisamos de ações emergenciais, mas estamos cobrando intervenções estruturantes, como é o caso da transposição”, destacou Wilson Filho.

Wilson Santiago informou que os municípios de Diamante, Conceição, Pilões, Serra Redonda, Jericó, Mato Grosso e Boa Ventura serão beneficiados pelas adutoras.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here