Opção: Delegacia On Line registra acidentes de trânsito sem vítimas

    0

     A Delegacia On Line está com uma nova interface para atender acidentes de trânsito sem vítimas. Qualquer pessoa envolvida nesses casos pode registrar o fato junto à Polícia Civil sem precisar se deslocar às delegacias da cidade. O endereço é www.delegaciaonline.pb.gov.br para esses casos e também daqueles em que não há violência, como furtos e extravios.

    Com o objetivo de otimizar a mobilidade urbana, desde o mês de julho deste ano, os veículos envolvidos em acidentes sem vítimas na Paraíba têm que ser retirados das vias. A medida acontece em cumprimento ao artigo 178 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e faz parte da Resolução 001/2014 do Conselho Estadual de Trânsito (Cetran).

    São considerados acidentes sem vítimas aqueles que não resultam em dano físico às pessoas e, nesses casos, a não retirada dos veículos do local do fato, em prejuízo da fluidez, se constitui infração média de trânsito. O Batalhão de Trânsito da Polícia Militar se desloca ao local desse tipo de ocorrência apenas quando o condutor for menor de 18 anos; quando não possuir habilitação; apresentar sinais de consumo de álcool e houver crime ou contravenção penal relacionado ao acontecimento. 

    Após desobstrução da via onde ocorreu o acidente, os condutores envolvidos devem proceder com a coleta do maior número de informações possível, como local, nomes, placas e identificação de eventuais testemunhas, por exemplo. Depois, a ocorrência pode ser registrada na Delegacia Online ou na delegacia distrital mais próxima.

    Para o delegado geral de Polícia Civil, Carlos Alberto Ferreira da Silva, o atendimento efetuado pela Delegacia On Line é importante porque traz mais comodidade à população e também agiliza o trabalho das delegacias em relação a outros crimes. “Não podemos esquecer da importância de registro de Boletins de Ocorrência, principalmente nos casos em que há violência, para o planejamento e exercício das ações de Polícia Judiciária, com investigação e prisões”, frisou o delegado.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]